Ano 2013 - Volume 33, Número 2


Título
Estudo ultrassonográfico abdominal e pélvico de lobo-guará (Chrysocyon brachyurus), 33(2):265-272
Autores

Resumo
RESUMO.- Guimarães L.D., Hage M.C.F.N.S., Paula T.A.R., Borges A.P.B., Carreta Jr M., Rodrigues A., Carneiro F.T. & Silva V.H.D. 2013. Abdominal and pelvic ultrasonographic study of the maned wolf (Chrysocyon brachyurus). [Estudo ultrassonográfico abdominal e pélvico de lobo-guará (Chrysocyon brachyurus).] Pesquisa Veterinária Brasileira 33(2):265-272. Departamento de Veterinária, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Viçosa, Avenida Peter Henry Rolfs s/n, Viçosa, MG 36570-000, Brazil. E-mail: ludiegues@yahoo.com.br

O presente trabalho objetivou a caracterização ultrassonográfica das regiões abdominal e pélvica de cinco lobos-guarás mantidos em cativeiro no Centro de Triagem de Animais Silvestres da Universidade Federal de Viçosa, com descrição dos aspectos ultrassonográficos e obtenção de medidas de suas diversas estruturas, por meio de ultrassonografia modo-B. Coletaram-se dados de biometria corporal com a finalidade de se verificar a existência de correlação linear significativa entre estas medidas e as mensurações obtidas ultrassonograficamente. Adicionalmente, efetuou-se avaliação hematológica e bioquímica sérica dos animais. Os achados ultrassonográficos foram equiparados aos existentes na literatura de cães domésticos devido à inexistência de dados publicados referentes a lobos-guarás. Esta espécie apresentou características muito semelhantes às do cão, diferindo nas ecogenicidades do baço e córtex renal esquerdo, no aspecto da região prostática, testicular e na morfologia da veia porta hepática. No presente estudo, os valores de biometria corporal foram semelhantes aos anteriormente publicados, porém não se encontraram dados na literatura referentes a perímetro torácico, comprimento vértice-caudal modificado e profundidade torácica para esta espécie de canídeo. A análise estatística revelou a existência de forte correlação negativa entre o comprimento vértice caudal modificado e o comprimento renal esquerdo, entre o comprimento vértice caudal modificado e o volume renal direito, entre o perímetro torácico e a altura do polo cranial da glândula adrenal esquerda e entre o perímetro torácico e a altura do polo caudal da glândula adrenal esquerda. Laboratorialmente, a contagem de neutrófilos segmentados, eosinófilos, monócitos e linfócitos e os níveis séricos de glicose, ALT, fosfatase alcalina, ureia, proteína total, globulina, creatina fosfoquinase, triglicérides, sódio, fosfato, potássio e cloreto foram discordantes de valores obtidos por outros autores. A ultrassonografia é um método de diagnóstico por imagem que necessita ser mais explorado na medicina de animais silvestres, sendo, portanto necessário o incremento de pesquisas nesta área.
Download / Visualização