Ano 2013 - Volume 33, Número 3


Título
Ocorrência de Mollicutes e Ureaplasma spp. em surto de doença reprodutiva em rebanhos bovinos no Estado da Paraíba, 33(3):315-318
Autores

Resumo
RESUMO.- Santos S.B., Pinheiro Júnior J.W., Oliveira A.A.F., Mota A.R., Oliveira J.M.B., Veras G.A., Nascimento E.R. & Mota R.A. 2013. [Occurrence of Mollicutes and Ureaplasma spp. in outbreak of reproductive disease in cattle herds, State of Paraíba, Brazil.] Ocorrência de Mollicutes e Ureaplasma spp. em surto de doença reprodutiva em rebanhos bovinos no Estado da Paraíba. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(3):315-318. Laboratório de Bacterioses dos Animais Domésticos, Departamento de Me­dicina Veterinária, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Av. Dom Manoel de Medeiros s/n, Recife, PE 52171-900, Brazil. E-mail: sanbsantos@gmail.com

Em março de 2012 foi diagnosticado um surto de doença reprodutiva em rebanho bovino no Estado da Paraíba, Brasil. Foram examinadas 32 vacas e dois touros da raça Girolando. As vacas apresentaram sinais de doença reprodutiva como repetição de cio, vulvovaginite granular, infertilidade e abortos. As amostras de suabes vaginais e prepuciais foram colhidas e submetidas a isolamento bacteriano e PCR. As reações da PCR para Mollicutes e Ureaplasma spp. foram realizadas com os iniciadores MGSO-GPO3 e UGP’F-UGP’R, respectivamente. Na Nested PCR para Ureaplasma diversum, os iniciadores usados foram UD1, UD2, UD3 e UD4. Para isolamento bacteriano, as amostras foram diluídas de 10-1 até 10-5, semeadas em meio “UB”, líquido e placa, sendo incubadas por até 21 dias a 37oC em jarra de microaerofilia. A frequência de Mollicutes detectada na PCR foi de 65,6% e para Ureaplasma spp. foi de 50,0%, enquanto que para U. diversum foi de 15,6%. No isolamento a frequência de Mollicutes foi de 57,1% e para Ureaplasma spp. foi de 28,6%. No ágar “UB” foi visualizado o crescimento misto de Mycoplasma spp. e Ureaplasma spp. em seis amostras. Foi confirmado o envolvimento de micro-organismos da Classe Mollicutes em surto de doença reprodutiva em vacas no sertão paraibano.
Download / Visualização