Ano 2013 - Volume 33, Número 5


Título
Resposta imunológica em caprinos vacinados contra agalaxia contagiosa, 33(5):561-564
Autores

Resumo
RESUMO.- Alcântara M.D.B., Campos A.C., Melo M.A., Pereira Filho J.M., Nascimento E.R., Farias A.A., Sousa D.R.M. & Azevedo E.O. 2013. [Immune response in goats vaccinated against contagious agalactia.] Resposta imunológica em caprinos vacinados contra agalaxia contagiosa. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(5):561-564. Laboratório de Vacinas e Diagnóstico, Unidade Acadêmica de Medicina Veterinária, Universidade Federal de Campina Grande, Av. Universitária s/n, Santa Cecília, Patos, PB 58708-110, Brazil. E-mail: edisio@pq.cnpq.br

Este trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência de duas vacinas inativadas contra agalaxia contagiosa contendo adjuvante oleoso e aquoso. Para tanto, foram utilizados 73 caprinos, agrupados em dois experimentos. No experimento I, para avaliar a inocuidade das vacinas, foram utilizados 15 caprinos, subdivididos em três grupos de cinco animais cada, sendo que o grupo A1 foi imunizado com a vacina aquosa, o grupo B1 com a vacina oleosa e o grupo C não imunizado, foi o controle. No experimento II, para avaliar a resposta imune foram utilizados 58 caprinos, subdivididos em dois grupos, sendo o grupo A2, com 28 animais imunizados com a vacina aquosa e o grupo B2, com 30 animais imunizados com a vacina oleosa. Os animais do experimento II receberam uma terceira dose, 180 dias após a segunda dose vacinal. Os níveis de anticorpos foram determinados por ELISA indireto, realizado no dia de cada vacinação e 30 dias após a segunda dose (experimento I) e 30 dias após a terceira dose vacinal (experimento II). Os animais do grupo B1 e B2 (vacina oleosa) apresentaram níveis de anticorpos estatisticamente superiores (P<0,05) quando comparados aos dos grupos A1 e A2 (vacina aquosa) nos dois experimentos.
Download / Visualização