Ano 2013 - Volume 33, Número 8


Título
A surveillance of enteropathogens in piglets from birth to seven days of age in Brazil, 33(8):963-969
Autores

Resumo
RESUMO- Cruz Junior E.C., Salvarani F.M., Silva R.O.S., Silva M.X., Lobato F.C.F. & Guedes R.M.C. 2013. A surveillance of enteropathogens in piglets from birth to seven days of age in Brazil. [Levantamento dos enteropatógenos de leitões do nascimento a sete dias de idade no Brasil.] Pesquisa Veterinária Brasileira 33(8):963-969. Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Av. Antônio Carlos 6627, Cx. Postal 567, Belo Horizonte, MG 30123-970, Brazil. E-mail: guedesufmg@gmail.com

O objetivo do presente estudo foi avaliar a real importância de enteropatógenos anaeróbios e rotavirus em comparação à outros agentes mais comuns como causa de diarreia em leitões até cinco dias de idade. Leitões com 0 a 7 dias de vida, 30 diarreicos e 30 não diarreicos (controles) de 15 granjas diferentes foram eutanasiados e necropsiados. Amostras de jejuno, íleo, colon e ceco foram coletadas e submetidas à detecção dos seguintes enteropatógenos: Escherichia coli enterotoxigênica (ETEC), Clostridium perfringens, Clostridium difficile, rotavirus e Isospora suis. Entre os animais diarréicos, 23.3% foram positivos para C. difficile, 70% para C. perfringens tipo A cpb2+, 14.3% para rotavirus e 10% para ETEC. Entre os leitões não-diarréicos, 10% foram positivos para C. difficile, 76.7% para C. perfringens tipo A cpb2+, 3.3% para ETEC e 3.3% for I. suis. C. perfringens tipo C não foi detectado em nenhum animal. Lesões histológicas características de C. difficile, E. coli e rotavirus foram observadas. Por outro lado, nenhuma lesão sugestiva de C. perfringens foi detectada. Foi possível observar uma correlação positiva entre edema de mesocolon e presença das toxinas A/B. Apesar de C. perfringens tipo A cpb2+ ter sido o patógeno mais encontrado, nenhuma associação com lesões foi encontrada. C. difficile e Rotavirus foram os agentes mais relevantes associados à diarreia neonatal, e ficou demonstrada a relevância de associação de histopatologia com testes de detecção microbiológica para se firmar um diagnóstico.
Download / Visualização