Ano 2013 - Volume 33, Número 12


Título
Avaliação metabólica de cavalos Crioulos submetidos a uma competição de resistência de 750 km, 33(12):1471-1477
Autores

Resumo
RESUMO.- Amaral L.A., Marchiori M., Martins C.F., Correa M.N. & Nogueira C.E.W. 2013. Metabolic evaluation of Crioulo horses participating in competitions of 750 km. [Avaliação metabólica de cavalos Crioulos submetidos a uma competição de resistência de 750 km.] Pesquisa Veterinária Brasileira 33(12):1471-1477. Departamento de Clinicas, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal de Pelotas, Campus Universitário s/n, Pelotas, RS 96010-900, Brazil. E-mail: lo1amaral@gmail.com

O cavalo Crioulo realiza uma das provas de maior exigência física nas modalidades equestres. A Marcha de Resistência é uma competição na qual os animais percorrem 750km durante 15 dias. O objetivo desse estudo foi caracterizar as respostas metabólicas ocorridas nesse período. Foram avaliados 11 equinos da raça Crioula inscritos na competição, sendo dois machos e nove fêmeas. Foram efetuadas coletas de sangue 24h antes da prova e no 4º, 9º, 11º, 14º e 15º dia de competição. Foram avaliados a concentração sanguínea de creatininoquinase, aspartato aminotransferase, lactato desidrogenase, glicose, lactato, uréia, creatinina, sódio, potássio, cloreto, magnésio, cálcio total, cálcio iônico, proteínas totais, hematócrito e o leucograma. Ao final da competição os valores médios de AST sérica foram de 1151±358 UI/L, os valores de médios de LDH foram de 7418±1695 UI/L e de CK foi de 13867±3998UI/L. Houve aumento significativo nos valores de uréia, creatinina e lactato (p<0,0001). Foi observada diminuição nos valores médios de cloreto, sódio, potássio, cálcio total e iônico (p≤0,0002). Na avaliação hematológica foi constatada elevação nos valores de leucócitos totais e segmentados (p≤0,0002) e diminuição nos valores de hematócrito, proteína plasmática total e linfócitos (p≤0,0003). Os valores de glicose, em média mantiveram-se constantes. Com base nesses dados conclui-se que a competição Marcha de Resistência determinou elevada exigência muscular, com depleção energética e eletrolítica, além de sugerir um processo inflamatório nos animais avaliados.
Download / Visualização