Ano 2014 - Volume 34, Número 11


Título
Avaliação de um MPB70-ELISA para diferenciar entre suínos sensibilizados com Mycobacterium bovis ou M. avium, 34(11):1069-1072
Autores

Resumo
RESUMO.- Marassi C.D., Oliveira F.C.S., Pinheiro S.R., Azevedo S.S., Soto F.R.M., Oelemann W., Lilenbaum W. & Vasconcellos S.A. 2014. Evaluation of a MPB70-ELISA to differentiate Mycobacterium bovis- from M. avium-sensitized swine. [Avaliação de um MPB70-ELISA para diferenciar entre suínos sensibilizados com Mycobacterium bovis ou M. avium.] Pesquisa Veterinária Brasileira 34(11):1069-1072. Departamento de Microbiologia e Parasitologia, Universidade Federal Fluminense, Rua Professor Hernani Mello 101, Lab 309, Niterói, RJ 24210-130, Brazil. E-mail: mipwalt@vm.uff.br

Suínos são suscetíveis a diferentes espécies de micobactérias, sendo Mycobacterium bovis agente de tuberculose (TB), com claro risco zoonótico, enquanto M. avium determina uma linfadenite granulomatosa (LG) de baixo risco zoonótico. Os testes intradérmicos atualmente realizados apresentam algumas limitações importantes, como a falta de habilidade em detectar animais anérgicos ou de diferenciar entre as espécies micobacterianas. Com o intuito de melhorar o diagnóstico de TB, testes sorológicos têm sido desenvolvidos, com resultados encorajadores. O objetivo do presente estudo foi avaliar um MPB70-ELISA em 82 leitões divididos em quatro grupos: sensibilizados por M. bovis, por M. avium, inoculados com óleo adjuvante ou com solução salina. O teste foi capaz de discriminar entre os animais sensibilizados com M. bovis dos demais três grupos, incluindo aqueles que foram sensibilizados com M. avium; desta forma, sugere-se que o MPB70-ELISA poderia ser utilizado como ferramenta complementar para discriminar o agente da micobacteriose, e portanto diagnosticar TB em um plantel de suínos.
Download / Visualização