Ano 2016 - Volume 36, Número 9


Título
Uso de antimicrobiano nanoparticulado para o tratamento da mastite subclínica de ovelhas de corte no período seco, 36(9):826-830
Autores

Resumo
RESUMO.- Santana R.C.M., Zafalon L.F., Brandão H.M., Junior G.A.F., Pilon L.E., Junior W.B., Giglioti R. & Mosqueira V.C.F. 2016. [Use of nanoparticulated antimicrobians to treat subclinical mastitis of ewes during the dry period.] Uso de antimicrobiano nanoparticulado para o tratamento da mastite subclínica de ovelhas de corte no período seco. Pesquisa Veterinária Brasileira 36(9):826-830. Unidade Pecuária Sudeste, Embrapa, Rodovia Washington Luiz Km 234 s/n, Caixa Postal 339, São Carlos, SP 13560-970, Brazil. E-mail: raul.mascarenhas@embrapa.br

A inflamação da glândula mamária é uma das principais causas de prejuízo na ovinocultura. Este estudo teve como objetivo investigar as taxas de cura do tratamento da mastite subclínica após infusão intramamária de princípio ativo antimicrobiano no momento da secagem, em formulações convencional e nanoparticulada. Os rebanhos estavam localizados em São Carlos, São Paulo, Brasil. Analisou-se um total de 584 glândulas mamárias de 307 ovelhas de aptidão para produção de carne. Triagem prévia dos casos subclínicos de mastite foi efetuada por meio do California Mastitis Test (CMT) e/ou da contagem de células somáticas (CCS). Análises microbiológicas foram realizadas para confirmação da etiologia infecciosa. As glândulas mamárias com mastite subclínica foram distribuídas em três grupos: G1 (Controle; glândulas mamárias que não receberam tratamento antimicrobiano); G2 (glândulas mamárias em que foi administrado 100 mg de cloxacilina benzatina em estrutura convencional) e G3 (glândulas mamárias em que foi administrado 50 mg de cloxacilina benzatina em estrutura nanoencapsulada). O tratamento aplicado ao G3 mostrou-se mais eficiente (P=0,047) na cura de glândulas mamárias com mastite subclínica. O uso da cloxacilina nanoencapsulada no momento da secagem de ovelhas de corte auxilia no controle da mastite subclínica infecciosa e reduz os prejuízos consequentes.
Download / Visualização