Ano 2016 - Volume 36, Número 10


Título
Morfologia dos testículos e ductos epididimários do gato-palheiro Leopardus colocolo (Molina, 1782), 36(10):1014-1020
Autores

Resumo
RESUMO.- Mehanna M., Ferreira A.L.S., Ferreira A. & Paz R.C.R. 2016. Morphology of the testes and epididymal ducts in the Pampas cat Leopardus colocolo (Molina, 1782). [Morfologia dos testículos e ductos epididimários do gato-palheiro Leopardus colocolo (Molina, 1782).] Pesquisa Veterinária Brasileira 36(10):1014-1020. Laboratório de Pesquisa em Animais de Zoológico, Faculdade de Agronomia, Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso, Avenida Fernando Corrêa da Costa 2367, Bairro Boa Esperança, Cuiabá, MT 78060-900, Brazil. E-mail: reginacrpaz@gmail.com

O gato-palheiro Leopardus colocolo (Molina, 1782) é uma espécie da família Felidae, com ampla distribuição na América do Sul. Está incluido no Appendix II da CITES e classificada como Próxima da Extinção na Lista Vermelha da IUCN, apresentando população em decrescimo. Com base nessas informações o objetivo deste estudo é caracterizar morfologicamente os testículos e ductos epididimários de L. colocolo. O animal, oriundo do Zoológico da Universidade Federal de Mato Grosso, Brasil, veio a óbito após procedimento anestésico e o sistema reprodutor masculino foi dissecado para coleta dos testículos. As amostras retiradas foram fragmentadas e histologicamente examinadas. A partir das análises microscópicas dos testículos foram identificados: a túnica vaginal e albugínea, formada por tecido conjuntivo denso modelado, com grande quantidade de fibras de colágeno. A túnica albugínea emite septos fibrosos para o interior do órgão. Os túbulos seminíferos são enovelados e revestidos internamente por epitélio estratificado constituído por células espermatogênicas e células somáticas de Sertoli, envolvidos por uma membrana basal com presença de células mioides. O tecido intersticial, entre os túbulos seminíferos, é constituído de tecido conjuntivo do tipo frouxo com vasos sanguíneos e linfáticos, e células de Leydig em formato poliédrico. Os ductos epididimários apresentaram epitélio cilíndrico pseudoestratificado com células secretoras dos quais projetam estereocílios, situados sobre uma membrana basal repleta por células mióides. Este epitélio apresenta células principais e basais, cujas células principais projetam estereocílios em direção ao lúmen do ducto epididimário.
Download / Visualização