Ano 2017 - Volume 37, Número 11


Título
Diagnóstico histopatológico e molecular de lesões sugestivas de tuberculose em búfalos abatidos nos municípios de Macapá e Santana, estado do Amapá, 37(11):1198-1204
Autores

Resumo
RESUMO.- Pereira J.D.B., Cerqueira V.D., Bezerra Júnior P.S., Oliveira Bezerra D.K., Araújo F.R., Dias A.C.L., Araújo C.P. & Riet-Correa G. 2017. [Histopathological and molecular diagnosis of lesions suggestive of tuberculosis in buffaloes slaughtered in the municipalities of Macapá and Santana, Amapá state, Brazil.] Diagnóstico histopatológico e molecular de lesões sugestivas de tuberculose em búfalos abatidos nos municípios de Macapá e Santana, estado do Amapá. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(11):1198-1204. Universidade Federal do Pará, Rua Augusto Corrêa 1, Bairro Guamá, Castanhal, PA 66075-110, Brazil. E-mail: gabrielariet@pq.cnpq.br

Este estudo teve como objetivo avaliar lesões sugestivas de tuberculose em búfalos abatidos em matadouros oficiais no Estado do Amapá, Brasil, a fim de confirmar o diagnóstico de tuberculose por avaliação histopatológica e molecular. As amostras de tecido de 20 búfalos que apresentavam lesões sugestivas de tuberculose, dos municípios de Macapá e Santana, foram coletadas. As amostras foram divididas em duas partes: uma delas foi fixada em formalina a 10% tamponada e rotineiramente processadas para avaliação histopatológica, coradas pela hematoxilina-eosina e Ziehl-Neelsen; e o outra parte foi usado para Nested-PCR para o complexo de Mycobacterium tuberculosis (CMT) e para Mycobacterium bovis. As lesões macroscópicas sugestivas de tuberculose foram observadas nos pulmões, linfonodos brônquicos, mediastínicos, retrofaríngeos e submandibulares, fígado e pleura. Histopatologicamente, todas as amostras apresentaram lesões sugestivas de tuberculose, caracterizadas por granulomas compostos por grande quantidade de infiltração de células epitelióides, células de Langerhans e linfócitos, margeando um centro necrótico, calcificado ou não, rodeado por cápsula de tecido conjuntivo fibroso. Bacilos álcool-ácido resistentes foram observados nos tecidos de 3/20 (15%) búfalos. Com relação à detecção molecular, 13/20 (65%) bubalinos apresentaram amostras de tecidos positivos: 6 foram positivos nas Nested-PCRs para CMT e M. bovis, um foi positivo apenas na Nested-PCR para CMT, e 6 foram positivos apenas na Nested-PCR para M. bovis. Os resultados deste estudo demonstram a importância de diagnosticar a tuberculose em búfalos na região e apontam para a necessidade de implementar medidas eficazes para controlar e erradicar a enfermidade.
Download / Visualização