Ano 2012 - Volume 32, Número 5


Título
Epididimite ovina por Actinobacillus seminis no Estado de Pernambuco, 32(5):369-373
Autores

Resumo
RESUMO.- Bezerra M.J.G., Santos A.S., Cruz J.A.L.O., Kung E.S., Sá S.G., Jabour F.F., Brito M.F. & Mota R.A. 2012. [Sheep epididymitis by Actinobacillus seminis in the state of Pernambuco, Brazil.] Epididimite ovina por Actinobacillus seminis no Estado de Pernambuco. Pesquisa Veterinária Brasileira 32(5):369-373. Laboratório de Doenças Infectocontagiosas dos Animais Domésticos, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Rua Dom Manoel de Medeiros s/n, Recife, PE 52171-900, Brazil. E-mail: rinaldo.mota@hotmail.com

Relata-se a ocorrência de orquite e epididimite ovina associada ao isolamento de Actinobacillus seminis no Estado de Pernambuco. Clinicamente observou-se aumento de volume nos testículos e epidídimos, dor e aumento de temperatura local à palpação, e atrofia testicular bilateral. Após o abate observou-se a presença de conteúdo purulento no epidídimo. À microscopia dos testículos observou-se espessamento da túnica albugínea, necrose de coagulação e calcificação de túbulos seminíferos, infiltrado inflamatório com predominância de linfócitos entre túbulos seminíferos, além de mineralização incipiente de túbulos. No epidídimo observou-se intensa proliferação de tecido conjuntivo ao redor dos ductos epididimários. O diagnóstico de orquite e epididimite por Actinobacillus seminis foi confirmado pela associação dos achados clínico-patológicos, isolamento e identificação da bactéria.
Download / Visualização