Ano 2012 - Volume 32, Número 5


Título
Osteopatia hipertrófica em sete cães, 32(5):424-429
Autores

Resumo
RESUMO.- Trost M.E., Kommers G.D., Silva T.M., Irigoyen L.F., Fighera R.A., Barros C.S.L. & Inkelmann M.A. 2012. [Hypertrophic osteopathy in seven dogs.] Osteopatia hipertrófica em sete cães. Pesquisa Veterinária Brasileira 32(5):424-429. Laboratório de Patologia Veterinária, Departamento de Patologia, Universidade Federal de Santa Maria, Camobi, Santa Maria, RS 97105-900, Brazil. E-mail: glaukommers@yahoo.com

Os achados clínico-patológicos de sete casos de osteopatia hipertrófica em cães foram estudados. Os cães afetados apresentavam sinais clínicos indicativos de envolvimento ósseo e lesões macroscópicas principalmente nos ossos longos dos membros. As lesões consistiram de neoformação óssea periosteal detectada em exame radiográfico, na inspeção óssea durante a necropsia e, com grande nível de detalhamento, em espécimes ósseos macerados. A proliferação óssea observada era parcialmente circunferencial e ocorreu principalmente na diáfise dos ossos longos. Era constituída por trabéculas ósseas de tamanho e espessura irregulares que estavam dispostas de forma perpendicular ao córtex ósseo original. Em todos os casos as lesões de osteopatia hipertrófica foram associadas a neoplasmas pulmonares (primários ou metastáticos).
Download / Visualização