Ano 2012 - Volume 32, Número 8


Título
Abortos por Neospora caninum em ovinos em Mato Grosso do Sul, 32(8):739-742
Autores

Resumo
RESUMO.- Pinto A.P., Bacha F.B., Santos B.S., Driemeier D., Antoniassi N.A.B., Ribas N.L.K.S. & Lemos R.A.A. 2012. Sheep abortion associated with Neospora caninum in Mato Grosso do Sul, Brazil. Pesquisa Veterinária Brasileira 32(8):739-742. Departamento de Patologia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS 79074-460, Brazil. E-mail: lap.famez@ufms.br

Neospora caninum é um protozoário que tem o cão como hospedeiro definitivo e, bovinos, ovinos, caprinos e equinos como hospedeiros intermediários. Nestas últimas espécies pode provocar abortos e infecções neonatais. Este trabalho é o primeiro relato de aborto em ovinos associado com N. caninum no Mato Grosso do Sul. Os dados epidemiológicos foram obtidos através de entrevistas com o proprietário dos animais. Quatro fetos foram necropsiados, dos quais foram colhidos fragmentos de diversos órgãos fixados em formol a 10%, incluídos em parafina, processados pela técnica usual de hematoxilina e eosina e também foi realizada imuno-histoquímica para N. caninum e Toxoplasma gondii. O surto ocorreu em um rebanho constituído por 268 ovinos da raça Santa Inês, destes 186 eram fêmeas prenhes, no terço final de gestação e 10 abortaram. Dos quatro fetos analisados, três eram da mesma fêmea, sendo um de menor tamanho. À necropsia o pulmão de um dos fetos estava crepitante e todos os órgãos estavam avermelhados. Os achados histológicos foi infiltrado mononuclear entre as fibras do miocárdio e ao redor dos vasos, além de estruturas circulares compostas por pontilhados basofílicos semelhantes a protozoários. A IHQ revelou marcação fortemente positiva para N. caninum e fracamente positiva para T. gondii, caracterizando infecção por N. caninum.
Download / Visualização