Resultado da pesquisa (6)

Termo utilizado na pesquisa Chelonia mydas

#1 - Plasma cholinesterase activity as an environmental impact biomarker in juvenile green turtles (Chelonia mydas)

Abstract in English:

The objective of this study was to evaluate the enzymatic activity of plasma cholinesterase in Chelonia mydas marine turtles belonging to two populations, according to their capture sites, under the absence and probable influence of anthropic effects. A total of 74 animals were used and later divided into two groups, based on the capture site. Blood samples were collected from all captured animals, which were then released into the sea at the site of capture. A descriptive statistical analysis of the plasma cholinesterase activity values and an analysis comparing these values based on the capture site were performed. Samples of heparinized plasma from animals captured at the two different sites were analyzed. Plasma cholinesterase activity ranged from 121 to 248U/L, with a mean and standard deviation of 186.1±30.68U/L. When comparing plasma cholinesterase activity values in individuals based on the capture site, a significant difference was observed. Establishing reference values for different sea turtle populations is necessary to interpret future sampling results and to allow sea turtles to be used as sentinels of ecosystem health. Future studies are needed to evaluate other populations and the activity of plasma cholinesterase in juvenile marine turtles, in relation to environmental contamination.

Abstract in Portuguese:

O objetivo desse estudo foi avaliar a atividade enzimática da colinesterase plasmática em tartarugas marinhas da espécie Chelonia mydas em duas populações de acordo com o local de captura, sob ausência e provável influência de efeito antrópico. Foi utilizado um total de 74 animais e posteriormente divididos em dois grupos de acordo com o local de captura. Foram coletadas amostras de sangue de todos os animais capturados e em seguida liberados ao mar no mesmo local. Foi realizada uma análise estatística descritiva dos valores da atividade plasmática de colinesterase do total de animais e análise comparando os valores de acordo com o local de captura. Foram analisadas amostras de plasma heparinizado de animais capturados em dois locais distintos. Os valores da atividade plasmática de colinesterase variaram de 121 a 248U/L, com média e desvio padrão de 186.1±30.7U/L. Quando comparados os valores de atividade plasmática da colinesterase nos indivíduos de acordo com o local de captura, foi observada diferença significativa. O estabelecimento de valores de referência para diferentes populações de tartarugas marinhas são necessários para interpretar os futuros resultados amostrais e permitir que as tartarugas marinhas sejam usadas como sentinelas da saúde do ecossistema. Estudos futuros são necessários para avaliar outras populações e a atividade da colinesterase plasmática de tartarugas marinhas juvenis em relação à contaminação ambiental.


#2 - Plasma cholinesterase activity as environmental impact biomarker for green turtles (Chelonia mydas) on the coast of Fernando de Noronha, Pernambuco, Brazil, 35(4):385-389

Abstract in English:

ABSTRACT.- Fonseca L.A., Fagundes V., Girardi F.M., Maia N.L., Pimentel F.G., Braga F.R., Hiura E. & Santos M.R.D. 2015. [Plasma cholinesterase activity as environmental impact biomarker for green turtles (Chelonia mydas) on the coast of Fernando de Noronha, Pernambuco, Brazil.] Atividade da colinesterase plasmática como biomarcador de impacto ambiental em tartarugas verdes (Chelonia mydas) no litoral do Arquipélago de Fernando de Noronha, Pernambuco. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(4):385-389. Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa, Avenida P.H. Rolfs s/n, Campus Universitário, Viçosa, MG 36570-000, Brazil. E-mail: leandroabreu@ufv.br Biomarkers can be used in a predictive manner, permitting actions control to be taken before they occur irreversible damage with severe environmental ecological consequences, however, sentinel species are needed to evaluate these markers. Sea turtles affected by fibropapillomas are considered sentinel species, signaling the marine environmental imbalance in their areas of occurrence. With the objective to use the plasma cholinesterase activity in green turtles (Chelonia mydas) as a biomarker, the measurement of enzyme activity was evaluated in healthy animals and in location of low pollution impact (Fernando de Noronha, Pernambuco, Brazil) to serve as a reference for comparison with animals trapped in places with higher pollution impact. Were analyzed heparinized plasma samples from 35 captured animals. All samples analyzed showed enzymatic activity of plasma cholinesterase. The values obtained ranged between 162-379 IU/L, with mean and standard deviation of 216.4 + 51.4 IU/L. In studies of repeatability and reproducibility were obtained variance coefficients of less than 5% in all analyzes, so the analytical methodology proved successful. The longevity of marine turtles of the species C. mydas, feeding behavior, along with the fact possess detectable enzyme activity may indicate this species as a bioindicator of exposure to pollutants that influence plasma cholinesterase activity.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Fonseca L.A., Fagundes V., Girardi F.M., Maia N.L., Pimentel F.G., Braga F.R., Hiura E. & Santos M.R.D. 2015. [Plasma cholinesterase activity as environmental impact biomarker for green turtles (Chelonia mydas) on the coast of Fernando de Noronha, Pernambuco, Brazil.] Atividade da colinesterase plasmática como biomarcador de impacto ambiental em tartarugas verdes (Chelonia mydas) no litoral do Arquipélago de Fernando de Noronha, Pernambuco. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(4):385-389. Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa, Avenida P.H. Rolfs s/n, Campus Universitário, Viçosa, MG 36570-000, Brazil. E-mail: leandroabreu@ufv.br Biomarcadores podem ser usados de forma pre- ditiva, permitindo que sejam tomadas ações de controle antes que ocorram danos ambientais irreversíveis com consequências ecológicas severas, no entanto, espécies sentinelas são necessárias para avaliação desses marcadores. As tartarugas marinhas são consideradas espécies sentinelas quando acometidas por fibropapilomas, sendo sinalizadora do desequilíbrio ambiental marinho nas suas áreas de ocorrência. Com o objetivo de propor a determinação da atividade da colinesterase plasmática em tartarugas verdes (Chelonia mydas) como biomarcador, procedeu-se a determinação da atividade enzimática em animais saudáveis e em localidade de baixo impacto antrópico (Arquipélago de Fernando de Noronha, Pernambuco, Brasil) para servir como referência para comparação com animais capturados em locais de maior impacto antrópico. Ao todo foram analisadas amostras de plasma heparinizado de 35 animais capturados. Todas as amostras analisadas apresentaram alguma atividade enzimática de colinesterase plasmática. Os valores obtidos de colinesterase variaram de 162 a 379 UI/L, com média e desvio padrão de 216,4 + 51,4 UI/L. Nos estudos de repetibilidade e reprodutibilidade obtiveram-se coeficientes de variação menor que 5% em todas as análises, portanto a metodologia analítica utilizada se mostrou confiável. A longevidade das tartarugas marinhas da espécie C. mydas, o comportamento alimentar, juntamente com o fato de possuirem atividade enzimática detectável podem indicar essa espécie como bioindicadora de exposição a poluentes que influenciam na atividade da colinesterase plasmática.


#3 - Hematological and histopathological evaluation of wildlife green turtles (Chelonia mydas) with and without fibropapilloma from the north coast of São Paulo State, Brazil, 34(7):682-688

Abstract in English:

ABSTRACT.- Zwarg T., Rossi S., Sanches T.C., Cesar M.O., Werneck M.R. & Matushima E.R. 2014. Hematological and histopathological evaluation of wildlife green turtles (Chelonia mydas) with and without fibropapilloma from the north coast of São Paulo State, Brazil. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(7):682-688. Departamento de Patologia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Avenida Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva 87, Cidade Universitária, São Paulo, SP 05508-900, Brazil. E-mail: ticianamzsd@yahoo.com.br Blood profiles were determined in 47 juvenile green turtles, Chelonia mydas, from São Paulo northern coast, Brazil. Twenty-nine were affected by fibropapillomas and 18 were tumor free. Complete gross and histopathologic examinations of the fibropapillo were performed in 21 green turtles. Biometrical data, size, location and amount of tumors were recorded. The papillomas varied in morphology, location, size, color and texture. We found hyperplastic stroma, rich in blood vessels and connective tissue with increase in thickness of the dermis.  The tumors w0ere classified as papillomas or fibropapillomas according to their epithelial and/or stromal proliferation. The lowest Mean Corpuscular Hemoglobin (HCM) values were observed in affected turtles.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Zwarg T., Rossi S., Sanches T.C., Cesar M.O., Werneck M.R. & Matushima E.R. 2014. Hematological and histopathological evaluation of wildlife green turtles (Chelonia mydas) with and without fibropapilloma from the north coast of São Paulo State, Brazil. [Avaliação hematológica e histopatológica de tartarugas verdes de vida livre (Chelonia mydas) com e sem fibropapilomas do litoral norte do Estado de São Paulo.] Pesquisa Veterinária Brasileira 34(7):682-688. Departamento de Patologia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Avenida Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva 87, Cidade Universitária, São Paulo, SP 05508-900, Brazil. E-mail: ticianamzsd@yahoo.com.br Realizou-se hemograma de 47 tartarugas verdes, Chelonia mydas, provenientes de uma população de vida livre do litoral do estado de São Paulo, Brasil. Dessas, 29 apresentavam fibropapilomas e 18 não apresentavam formação tumoral. Fez-se avaliação macroscópica e histopatológica dos tumores de 21 tartarugas verdes com fibropapilomatose. Foram coletados dados biométricos dos animais, avaliação de tamanho, localização e quantidade dos tumores. As formações papilomatosas apresentaram morfologia, localização, tamanho, coloração e textura variados. Observou-se um estroma hiperplásico, rico em vasos sanguíneos e grande quantidade de tecido conjuntivo, resultando em um espessamento da derme. As formações foram classificadas como papilomas e/ou fibropapilomas, dependendo da proliferação epitelial e/ou de estroma, respectivamente. Os parâmetros hematológicos apresentaram variação, em função do acometimento tumoral, somente para Hemoglobina Corpuscular Média (HCM), sendo observados valores menores em animais com fibropapilomas.


#4 - Heart and base vessels morphometric and your implications in dive of Chelonia mydas, 3(Supl.1):32-38

Abstract in English:

ABSTRACT.- Braz J.K.F.S., Queiroz M.S.M., Lemos K.K.A., Silva N.B., Oliveira M.F. & Moura C.E.B. 2013. [Heart and base vessels morphometric and your implications in dive of Chelonia mydas.] Morfometria do coração e dos vasos da base e sua implicação no mergulho em Chelonia mydas. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(Supl.1):32-38. Laboratório Multidisciplinar, Faculdade de Ciências da Saúde do Trairí, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Rua Trairi s/n, Centro, Santa Cruz, RN 59200-000, Brazil. E-mail: jani_karla@yahoo.com.br This study aimed to characterize the morphology of the heart chambers, pulmonary arteries and aortas of Chelonia mydas. Eleven specimens were evaluated from dead C. mydas collected on the coast of the state of Rio Grande do Norte, Brazil. The animals were necropsied to obtain heart, aorta and fragments of the right and left pulmonary vessels. The vessels were fixed in formalin and subjected to histological processing and staining by a modified Verhoff technique. The parameters width, height and base-apex ventricular circumference of the heart were measured with a caliper. In the species the microscopy of pulmonary arteries and aorta varied according to the antimere. The largest relative thickness of Cavum venosum (CV) assists the cardiac output during diving, and its smaller thickness is advantageous for the right ventricular dilation during deep immersion, while the quantification of elastic and muscle fibers of the tunica media of aortas and right and left pulmonary arteries showed that the medial layer of aorta dominates the elastic vs. muscle fibers; however the elastic fibers are not dominating in the pulmonary arteries. The angioarchitecture may be related to the ability to swim, favoring better use of oxygenated blood previously stored during the period of apnea.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Braz J.K.F.S., Queiroz M.S.M., Lemos K.K.A., Silva N.B., Oliveira M.F. & Moura C.E.B. 2013. [Heart and base vessels morphometric and your implications in dive of Chelonia mydas.] Morfometria do coração e dos vasos da base e sua implicação no mergulho em Chelonia mydas. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(Supl.1):32-38. Laboratório Multidisciplinar, Faculdade de Ciências da Saúde do Trairí, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Rua Trairi s/n, Centro, Santa Cruz, RN 59200-000, Brazil. E-mail: jani_karla@yahoo.com.br Objetivou-se caracterizar a morfologia das câmaras cardíacas e das artérias aortas e pulmonares da espécie Chelonia mydas. Foram avaliados 11 espécimes de C. mydas mortas coletadas no litoral do estado do Rio Grande do Norte, Brasil. Os animais foram necropsiados para a obtenção do coração, fragmentos das artérias aorta e pulmonares direita e esquerda. Os vasos adquiridos foram fixados em formol e submetidos ao processamento histológico de rotina e coloração com Técnica de Verhoff modificada. Enquanto, do coração, os parâmetros largura, altura base-ápice e a circunferência ventricular foram mensurados por meio do paquímetro. Nessa espécie a microscopia das artérias pulmonares e artérias aortas variaram de acordo com o antímero. A maior espessura relativa do Cavum Venosum (CV) auxilia no bombeamento cardíaco durante o mergulho e sua menor espessura direita é uma vantagem para a dilatação ventricular durante a imersão profunda enquanto que a quantificação das lâminas elásticas e fibras musculares da túnica média das artérias aortas e pulmonares direita e esquerda comprovaram que a túnica média das aortas predomina o componente elástico vs. muscular, entretanto, nas artérias pulmonares o componente elástico não-predomina. Essa angioarquitetura pode estar relacionada com a capacidade de mergulho, favorecendo um maior aproveitamento do sangue oxigenado armazenado previamente durante o período de apneia.


#5 - Morphology of the digestive tube of the green turtle (Chelonia mydas), 30(8):676-684

Abstract in English:

ABSTRACT.- Magalhães M.S., Freitas M.L., Silva N.B. & Moura C.E.B. 2010. [Morphology of the digestive tube of the green turtle (Chelonia mydas).] Morfologia do tubo digestório da tartaruga verde (Chelonia mydas). Pesquisa Veterinária Brasileira 30(8):676-684. Pós-Graduação em Biologia de Água Doce e Pesca Interior, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Av. André Araújo 2936, Cx. Postal 478, Aleixo, Manaus, AM 69011-970, Brazil. E-mail: marcelasmbio@gmail.com The morphology of the digestive tube of the green turtle (Chelonia mydas) was evaluated. Nine young e 1 adult turtles were analyzed. The digestive organs withdrew occurred after plastron opening. The length’s description and measurement from each organ [esophagus, stomach, small intestine (SI) and large intestine (LI)] were made with digestive tube opened. The results showed that in both the adult and young animals, the esophagus from all species were marked by the presence of pointed papillae on internal mucous. The stomach presented saclike shape with blind fund. In the SI, reticular pleats in the duodenal mucous membrane have been observed, while the jejune and the ileum showed rectilinear longitudinal pleats. The LI was marked by the alternation of arched areas (haustra or sacculations) and narrowings. The microscopy of digestive tube from C. mydas revealed esophagus with folded mucous covered by keratinized and stratified squamous epitheliums. The stomach was divided in regions: cardiac, fundic e pyloric which differed as to the number of glands and the muscle layer’s arrangement. The SI presented marked by microvillus, and LI by folded mucous with glands the lamina propria. The morphology of the tube digestive of the green turtle showed to be adapted to your eating habits. A long the digestive tract and specializations provide greater area of absorption and more efficiency in digestion in this species.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Magalhães M.S., Freitas M.L., Silva N.B. & Moura C.E.B. 2010. [Morphology of the digestive tube of the green turtle (Chelonia mydas).] Morfologia do tubo digestório da tartaruga verde (Chelonia mydas). Pesquisa Veterinária Brasileira 30(8):676-684. Pós-Graduação em Biologia de Água Doce e Pesca Interior, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Av. André Araújo 2936, Cx. Postal 478, Aleixo, Manaus, AM 69011-970, Brazil. E-mail: marcelasmbio@gmail.com Para avaliar a morfologia do tubo digestório da tartaruga verde (Chelonia mydas) 10 animais, 9 juvenis e 1 adulto, foram analisados. A retirada dos órgãos digestórios procedeu-se após abertura do plastrão. A descrição e a medida do comprimento de cada órgão [esôfago, estômago, intestino delgado (ID) e intestino grosso (IG)] foram realizadas com o tubo digestório aberto. Os resultados mostraram que tanto nos animais juvenis como no adulto, o esôfago foi marcado pela presença de papilas pontiagudas em sua mucosa interna. O estômago apresentou aspecto saculiforme com fundo cego. No ID foi observado pregas reticulares na mucosa duodenal, enquanto o jejuno e do íleo mostrou pregas retilíneas longitudinais. O IG foi marcado pela alternância de regiões abauladas (haustros ou saculações) e estreitamentos. A microscopia do tudo digestório em C. mydas revelou esôfago com mucosa pregueada revestida por epitélio estratificado pavimentoso queratinizado. O estômago mostrou-se dividido em regiões: cárdica, fúndica, pilórica, as quais diferiam quanto ao número de glândulas e disposição da camada muscular. O ID apresentou-se marcado por vilosidades, e o IG por mucosa pregueada contendo glândulas na lâmina própria. A morfologia do tubo digestório da tartaruga verde mostrou-se adaptada ao seu hábito alimentar, possuindo especializações e um longo trato digestório que promove o aumento da superfície de absorção, já que seu alimento é de difícil digestão.


#6 - Hematological profile of Chelonia mydas (Testudines, Cheloniidae) according to the severity of fibropapillomatosis or its absence, 29(12):974-978

Abstract in English:

ABSTRACT.- Rossi S., Zwarg T., Sanches T.C., César M.O., Werneck M.R. & Matushima E.R. 2009. Hematological profile of Chelonia mydas (Testudines, Cheloniidae) according to the severity of fibropapillomatosis or its absence. Pesquisa Veterinária Brasileira 29(12):974-978. Depto Patologia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Av. Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva 87, Cidade Universitária, São Paulo, SP 05508-900, Brazil. E-mail: rossi.silmara@yahoo.com.br The green turtle Chelonia mydas feeds and nests in the Brazilian coastal area and is considered an endangered species by the World Conservation Union (IUCN 2009) and threatened by the Red List of Brazilian Fauna (Ministério do Meio Ambiente 2009). Fibropapillomatosis is a disease characterized by benign skin tumors (fibropapillomas), and it is one of the main threats to the survival of this species. Studies suggest the involvement of viruses as infectious agents associated with environmental and genetic factors. Blood samples were collected from 45 turtles captured in the coastal area of the state of Sao Paulo, Brazil. From these, 27 were affected by fibropapillomas and 18 were tumor free. Biometrical data on the turtles, size, location and quantity of tumors were recorded. The area occupied by fibropapillomas per animal was calculated and four groups were determined according to severity of the disease or its absence. The objective of the study was to compare hemogram results of the sea turtles classified in these four groups. The lowest hematocrit value was observed in severely affected animals. In the hemoglobin assay, the highest value was observed in the group of tumor free turtles and the lowest, in animals severely affected. Lymphocyte counts and curved carapace length were on the verge of statistical significance.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Rossi S., Zwarg T., Sanches T.C., César M.O., Werneck M.R. & Matushima E.R. 2009. Hematological profile of Chelonia mydas (Testudines, Cheloniidae) according to the severity of fibropapillomatosis or its absence. [Perfil hematológico de Chelonia mydas (Testudines, Cheloniidae) de acordo com o grau de acometimento pela fibropapilomatose e sua ausência.] Pesquisa Veterinária Brasileira 29(12):974-978. Depto Patologia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Av. Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva 87, Cidade Universitária, São Paulo, SP 05508-900, Brazil. E-mail: rossi.silmara@yahoo.com.br Chelonia mydas, denominada tartaruga verde, é uma tartaruga marinha que frequenta o litoral brasileiro para alimentação e nidificação e é considerada em perigo de extinção pela IUCN (World Conservation Union, 2009) e ameaçada pela Lista Vermelha da Fauna Brasileira (Ministério do Meio Ambiente, 2009). A fibropapilomatose, doença caracterizada por tumores cutâneos benignos (fibropapilomas), é uma das mais importantes ameaças à sobrevivência dessa espécie. Pesquisas sugerem o envolvimento de agentes infecciosos virais em associação com fatores ambientais e genéticos. Foram colhidas amostras sanguíneas de 45 tartarugas provenientes do litoral do estado de São Paulo, Brasil, sendo 18 sem fibropapilomas e 27 acometidas. Dados de biometria das tartarugas, quantidade, localização e tamanho dos tumores foram anotados. Foi realizado o cálculo da área de fibropapilomas por animal e foram estipulados 4 grupos de acordo com o grau de acometimento e sua ausência. O objetivo foi realizar uma comparação entre os hemogramas das tartarugas marinhas classificadas nos 4 grupos. Animais de grau grave apresentaram o menor valor para hematócrito. Para dosagem de hemoglobina, observou-se que o maior valor foi para o grupo de tartarugas sem fibropapilomas e o menor para o de grau grave. Os valores de linfócitos e comprimento curvilíneo da carapaça beiraram a significância estatística.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV