Resultado da pesquisa (1)

Termo utilizado na pesquisa Elias B.C

#1 - Neuron-specific enolase as biomarker for possible neuronal damage in dogs with distemper virus

Abstract in English:

Neuron-specific enolase (NSE) is a biomarker of neuronal cell lysis, which demonstrates stability in extracellular fluids such as blood and cerebrospinal fluid. To the authors knowledge there is no research information comparing the use of NSE in dogs with and without encephalitis, putting in evidence the importance of that biomarker to detect neuronal damage in dogs. The objective was to compare the serum NSE levels in dogs with and without encephalitis, and to determine the serum NSE levels in normal dogs. Thirty eight dogs were evaluated, 19 dogs with encephalitis (EG Group) and 19 dogs without encephalitis (CG Group). The criteria for inclusion in the EG Group were presence of neurological signs in more than one part of the CNS (multifocal syndrome) and positive molecular diagnosis for canine distemper virus; for the CG Group were an age between 1 to 7 years and be clinically normal; NSE were measured in serum using an ELISA assay, and the results were compared. In the EG Group the NSE values ​​were higher with significant difference (P=0.0053) when compared with the CG Group. NSE is a biomarker that can be measured in serum samples of dogs to monitor neuronal lesions in encephalitis.

Abstract in Portuguese:

Enolase neuronal específica (NSE) é um biomarcador de lise de neurônios, que demonstra estabilidade em fluidos extracelulares como sangue e líquido cerebrospinal. Para o conhecimento dos autores, não há informações de pesquisa que comparem o uso de NSE em cães com e sem encefalite, evidenciando a importância desse biomarcador para detectar danos neuronais em cães. O objetivo foi comparar os níveis séricos de NSE em cães com e sem encefalites, e determinar os níveis séricos de NSE em cães saudáveis. Trinta e oito cães foram avaliados, 19 cães com encefalites (Grupo EG) e 19 cães sem encefalite (Grupo CG). O critério para inclusão no Grupo EG foi presença de sinais neurológicos em mais de uma estrutura do SNC (síndrome multifocal) e positividade no diagnóstico molecular para o vírus da cinomose canina; para o Grupo CG foi idade entre 1 e 7 anos e ser clinicamente normal; NSE foram mensuradas em amostras séricas usando o método de ELISA, e os resultados comparados. No Grupo EG os valores de NSE foram altos com diferença significativa (P=0.0053) quando comparado com o Grupo CG. NSE é um biomarcador que pode ser mensurado em amostras séricas de cães para monitorar lesões neuronais em encefalites.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV