Resultado da pesquisa (2)

Termo utilizado na pesquisa Giordani C

#1 - Fibroblastic osteosarcoma in a white-eared opossum (Didelphis albiventris)

Abstract in English:

Osteosarcoma is characterized by the production of osteoid or woven bone, using neoplastic osteoblasts. It is the most common primary bone neoplasm in canines and humans. This neoplasm was previously reported in all vertebrate classes, including a wide variety of mammals. However, there is no case report describing this neoplasm in Didelphis albiventris. Therefore, the objective of this manuscript is to describe the clinical-pathological aspects of fibroblastic osteosarcoma in D. albiventris. A wild adult male white-eared opossum (D. albiventris) arrived at the zoological park of the “Universidade de Caxias do Sul” with a swollen left thoracic limb. After a general clinical examination, the animal was transferred to the Veterinary Clinic of “Universidade de Caxias do Sul” for radiographic examination of the left thoracic limb and thorax. Additionally, some material was collected through fine needle aspiration (FNA) for cytologic evaluation. The radiographic findings and cytologic evaluation indicated osteosarcoma. The animal was euthanized due to severe clinical conditions and guarded prognosis. During necropsy, macroscopic analysis of the viscera was performed, fragments of various organs were collected and fixed in 10% neutral buffered formalin. All fragments were processed following routine histological techniques. The histopathological evaluation confirmed osteosarcoma, which was classified as a fibroblastic subtype. Case reports are crucial for the knowledge of incidence, prevalence, and behavior of the current mentioned disease, as well as other diseases, in species with such limited information. In order to obtain a decisive diagnosis, a few different examination methods were associated. Although the observations presented are based on a single case, this neoplasm had a similar clinical presentation to that described in other species.

Abstract in Portuguese:

O osteossarcoma é caracterizado pela produção de osteoide ou osso imaturo, por osteoblastos neoplásicos. É a neoplasia óssea primária mais comum em caninos e humanos. Essa neoplasia já foi relatada em todas as classes de vertebrados, incluindo uma grande variedade de mamíferos. Não havendo descrição dessa neoplasia até o momento em Didelphis albiventris. O objetivo deste trabalho é descrever aspectos clínico-patológicos de um caso de osteossarcoma fibroblástico em D. albiventris. Chegou para atendimento no Zoológico da Universidade de Caxias do Sul um gambá-de-orelha-branca (D. albiventris), macho, adulto, de vida livre com aumento de volume no membro torácico esquerdo. Após avaliação clínica geral, o animal foi encaminhado para a Clínica Veterinária da Universidade de Caxias do Sul para realização de radiografia do membro torácico esquerdo e de tórax, sendo também realizada coleta de material por punção aspirativa por agulha fina (PAAF) para avaliação citológica. Os achados radiográficos e da avaliação citológica foram sugestivos de osteossarcoma. Devido ao estado clínico grave e prognóstico reservado optou-se pela eutanásia. Durante a necropsia realizou-se a análise macroscópica das vísceras, foram coletados fragmentos de diversos órgãos, fixados em formalina 10%, processados pelas técnicas histológicas de rotina. Na avaliação histopatológica confirmou-se a suspeita de osteossarcoma sendo classificado no subtipo fibroblástico. A descrição de relatos é fundamental para conhecimento da incidência, prevalência e comportamento desta e de outras doenças em espécies que as informações são limitadas. A associação de diferentes métodos de exames foram necessários para a obtenção de um diagnóstico definitivo. Embora as observações apresentadas se baseiem em um caso único, esta neoplasia possuiu apresentação clínica semelhante a descrita em outras espécies.


#2 - Outbreak of acute aflatoxicosis in dogs in the municipality of Pelotas/RS, Brazil, 37(11):1281-1286

Abstract in English:

ABSTRACT.- Guterres K., Silva C., Giordani C., Matos C., Athayde C., Dilkin P., Grecco F. & Cleff M. 2017. [Outbreak of acute aflatoxicosis in dogs in the municipality of Pelotas/RS, Brazil.] Surto de aflatoxicose aguda em cães no município de Pelotas/RS. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(11):1281-1286. Programa de Pós-Graduação em Veterinária, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal de Pelotas, Campus Universitário s/n, Pelotas, RS 96010-900, Brasil. E-mail: guterres.karina@gmail.com Aflatoxins are mycotoxins synthesized during fungal multiplication and are able to contaminate food and animal feed, producing acute or chronic effects on consumers. Dogs are sensitive to this substance toxic. Disease final diagnosis has been hard to be made due to several factors, such as lack of specific clinical signs and high costs of testing for toxin presence in food. Thus, this paper aimed to report an aflatoxicosis outbreak in eighteen dogs in Pelotas - RS, Brazil. Only one dog has not come to death, after eating contaminated crushed corn and rice. Final diagnosis of acute aflatoxicosis was established through anamnesis, laboratory tests, necropsy and histopathological results, besides analysis of toxin presence in animal feed. At necropsy, degeneration and severe hepatic necrosis were observed and the analysis of food samples confirmed B1, B2, G1 and G2 aflatoxins, in an amount of 898.2μg/kg in crushed corn and 409.86μg/kg in rice. Therefore, awareness measures about control and prevention of mycotoxicosis should be taken, stressing the possible damage to the health of animals. Furthermore, mycotoxin identification methods must be implemented into routine clinical practice, including analysis of animal feed offered, since aflatoxicosis has often been underestimated.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Guterres K., Silva C., Giordani C., Matos C., Athayde C., Dilkin P., Grecco F. & Cleff M. 2017. [Outbreak of acute aflatoxicosis in dogs in the municipality of Pelotas/RS, Brazil.] Surto de aflatoxicose aguda em cães no município de Pelotas/RS. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(11):1281-1286. Programa de Pós-Graduação em Veterinária, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal de Pelotas, Campus Universitário s/n, Pelotas, RS 96010-900, Brasil. E-mail: guterres.karina@gmail.com As aflatoxinas pertencem ao grupo das micotoxinas e são substâncias sintetizadas durante a multiplicação de fungos que podem contaminar alimentos e rações animais, produzindo efeitos agudos ou crônicos naqueles que os consomem. Os cães são sensíveis aos efeitos tóxicos das aflatoxinas, havendo dificuldades de diagnóstico definitivo desta doença devido a fatores, como a inespecificidade dos sinais clínicos e o custo elevado da análise da presença de toxinas na alimentação. Desta forma, o objetivo deste artigo foi relatar um surto de aflatoxicose em dezoito caninos, no município de Pelotas – RS, no qual apenas um canino não veio a óbito, após a ingestão de quirelas de milho e arroz contaminadas. O diagnóstico definitivo de aflatoxicose aguda foi obtido através dos dados da anamnese, exames complementares, resultados de necropsia e histopatologia, além de análise da presença de toxinas na alimentação dos animais. Na necropsia observou-se degeneração e necrose hepática severa e na análise das amostras de alimento foi constatada a presença de aflatoxinas B1, B2, G1 e G2, em um somatório de 898,2μg/kg na quirela de milho e de 409,86μg/kg na de arroz. Assim sendo, medidas de conscientização acerca do controle e prevenção das micotoxicoses devem ser tomadas, salientando os possíveis danos à saúde dos animais. Além disto, métodos de identificação de micotoxinas, devem ser implementados na rotina hospitalar, incluindo a análise da ração oferecida, visto que a aflatoxicose, muitas vezes é subestimada.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV