Resultado da pesquisa (2)

Termo utilizado na pesquisa Lima Júnior D.M

#1 - Enterotoxin-encoding genes in Staphylococcus aureus from buffalo milk

Abstract in English:

This paper investigated the occurrence of Staphylococcus aureus and the detection of enterotoxin-encoding genes of these strains in milk collected from 30 Murrah buffaloes used to produce dairy products in Brazil. A total of 68 strains of Staphylococcus aureus were found as identified by conventional laboratory tests, and thus screened for sea, seb, sec, sed, see, seg, seh and sei enterotoxin-encoding genes by polymerase chain reaction (PCR). Twelve strains containing enterotoxin-amplified genes were found, with higher expression for the sei and seh genes. These results can be attributed to animal health and inadequate cleaning of the equipment, indicating the need for better quality control in animal production and health lines. The results of this study with the presence of pathogens and their enterotoxigenic potential indicate a source of food poisoning, as well as being a pioneering study in the detection of new enterotoxins for buffalo milk.

Abstract in Portuguese:

Este estudo investigou a ocorrência de isolados de Staphylococcus aureus e a detecção de genes que codificam a enterotoxigenicidade dessas cepas em leite de búfala utilizado na produção de laticínios no Brasil. As amostras foram coletados em 30 búfalos da raça Murrah, identificado por testes laboratoriais convencionais, foram identificados um total de 68 cepas de S. aureus e rastreados para os genes que codificam a enterotoxina sea, seb, sec, sed, see, seg, seh and sei por reação em cadeia da polimerase (PCR). Doze cepas contendo genes da enterotoxina foram amplificadas, com maior expressão para os genes sei e seh. Esses resultados podem ser atribuídos à saúde animal e à higiene inadequada do equipamento, indicando a necessidade de melhor controle de qualidade nas linhas de produção e saúde animal. Os resultados desta pesquisa, com a presença de patógenos e seu potencial enterotoxigênico, indicam uma fonte de intoxicação alimentar, além de ser uma pesquisa pioneira na detecção de novas enterotoxinas para o leite de búfala.


#2 - Serum biochemistry profile of dairy calves fed with alternative liquid diets, 35(Supl.1):27-32

Abstract in English:

ABSTRACT.- Lopes K.T.L., Lima R.N., Assis A.P.P., Miranda M.V.F.G., Ferreira J.M., Leite H.M.S., Lima Junior D.M. & Lima P.O. 2015. [Serum biochemistry profile of dairy calves fed with alternative liquid diets.] Perfil bioquímico sérico de bezerros de origem leiteira aleitados com dietas líquidas alternativas. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(Supl.1):27-32. Departamento de Ciências Animais, Universidade Federal Rural do Semiárido, Av. Francisco Mota 572, Bairro Costa e Silva, Mossoró, RN 59625-900, Brazil. E-mail: pattlima@ufersa.edu.br Metabolic profile is used as routine monitoring for the diagnosis of metabolic disorders, nutritional deficiencies, and as a preventive of subclinical disorders, in addition to research health issues and performance of a herd. In this context, the aim of this study was to evaluate the influence of different liquid diets containing whey cheese and colostrum on the serum biochemistry profile of calves. Twenty-four crossbred calves from dairy herds in the region, distributed in a completely randomized design with three treatments and eight replicates: LI = Whole milk (control); LS = 50% Whole milk + 50% cheese whey in nature; SC = 70% of cheese whey in natura + 30% Colostrum. Weekly blood samples by jugular puncture were collected in the morning, before the supply of liquid diet and two hours after eating this. The serum concentrations of the evaluated parameters differ between treatments, but without compromising animal performance. Thus, the use of whey associated with colostrum presents itself as a viable cost reduction with feeding calves, since possible nutritional deficits caused by differences in liquid diets are supplied by solid food form, not affecting the profiles of the metabolites related to serum protein and energy status.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Lopes K.T.L., Lima R.N., Assis A.P.P., Miranda M.V.F.G., Ferreira J.M., Leite H.M.S., Lima Junior D.M. & Lima P.O. 2015. [Serum biochemistry profile of dairy calves fed with alternative liquid diets.] Perfil bioquímico sérico de bezerros de origem leiteira aleitados com dietas líquidas alternativas. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(Supl.1):27-32. Departamento de Ciências Animais, Universidade Federal Rural do Semiárido, Av. Francisco Mota 572, Bairro Costa e Silva, Mossoró, RN 59625-900, Brazil. E-mail: pattlima@ufersa.edu.br O perfil metabólico é utilizado como monitoramento rotineiro para o diagnóstico de transtornos metabólicos, deficiências nutricionais e como preventivo de transtornos subclínicos, além da pesquisa de problemas de saúde e de desempenho de um rebanho. Neste contexto, o objetivo do presente trabalho foi avaliar a influência de diferentes dietas líquidas contendo soro de queijo e colostro sobre os perfis dos metabólitos séricos de bezerros durante a fase de aleitamento. Foram utilizados 24 bezerros mestiços provenientes de rebanhos leiteiros da região, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado com três tratamentos e oito repetições: LI = Leite integral (controle); LS = 50% Leite integral + 50% de Soro de queijo in natura; SC = 70% de Soro de queijo in natura + 30% Colostro. Semanalmente foram coletadas amostras de sangue por punção jugular externa, no período da manhã, antes do fornecimento da dieta líquida e duas horas após a ingestão desta. As concentrações dos parâmetros séricos avaliados diferiram entre os tratamentos, porém sem comprometer o desempenho dos animais. Desse modo, a utilização de soro de queijo associado ao colostro apresenta-se como forma viável de redução de custos com aleitamento de bezerros, visto que possíveis déficits causados pelas diferenças nutricionais das dietas líquidas são supridos pelos alimentos sólidos, não afetando os perfis dos metabólitos séricos relacionados ao status protéico e energético.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV