Resultado da pesquisa (2)

Termo utilizado na pesquisa Oliveira W.D.C

#1 - Pelvimetry of multiparous Nellore cows in the cycling and early puerperal stages

Abstract in English:

Pelvis is an osteoligamentous complex, which is classified as dolichopellic in ruminants. Impairments linked to incompatibility of pelvic canal and fetal size is directly related to pelvic anatomy and disposition. Heritability of pelvic area characteristics varies from moderate to high, demonstrating its importance for animal selection. Pelvimetry can be performed through direct and indirect methods that were accessed in this study aiming to establish a correlation between internal and external pelvic dimensions in multiparous Nellore cows (26 animals) at cycling and early puerperal (up to 30 days postpartum) reproductive stages. Pelvic dimensions measured by descriptive analysis were higher at early puerperal stage. Strong Pearson’s correlation was determined between internal and external pelvic dimensions, between reproductive stages, and between pelvic girdle area and internal pelvic area. Significant Tukey’s test differences between animals in internal and external dimensions were also found. According to the results, the pelvic anatomy of Nellore cows varies according to their reproductive stage. We detach that and provide data regarding the use of internal pelvic area for animal selection studies on this breed is determined and should be measured using the proposed formula, since it can confirm statistical differences in the areas of pelvic components between animals in the cycling and early puerperal stages.

Abstract in Portuguese:

A pelve é considerada um complexo osteoligamentoso, classificada como dolicopélvica em ruminantes. Prejuízos ligados à incompatibilidade canal pélvico/tamanho fetal relacionam-se diretamente à anatomia e disposição pélvica. A característica de área pélvica apresenta herdabilidade variando de moderada a alta, indicando sua importância na seleção animal. A pelvimetria inclui formas direta e indireta. Neste estudo utilizaram-se vinte e seis vacas multíparas, da raça Nelore, agrupadas de acordo com o estágio reprodutivo, cíclico e em início de estágio puerperal (até 30 dias pós‑parto). Através deste, objetivou-se evidenciar a relação das medidas pélvicas internas e externas nos diferentes períodos reprodutivos e coletar obter dados referentes a utilização da área interna do hexágono no estudo pelvimétrico dessa espécie em estágio cíclico ou puerperal. Para tanto, realizou‑se, a pelvimetria direta e indireta. Os resultados obtidos, pela análise descritiva, foram maiores para animais em início de estágio puerperal. Por meio da correlação de Pearson podem-se observar fortes correlações entre mensurações pélvicas internas e externas, também entre os grupos propostos, e forte correlação entre elipse pélvica e área interna do hexágono. Pelo teste Tukey diferenças significativas tanto em medidas internas e externas puderam ser demonstradas. Conclui-se que as condições anatômicas da pelve variam de acordo com o estágio reprodutivo do animal, que aferição da área pélvica utilizando a formula proposta para área do hexágono interno é relevante pois foi possível comprovar a diferenças estatísticas de áreas nas fases cíclica e puerperal.


#2 - Comparative hematological analysis of Morada Nova and Santa Inês ewes in all reproductive stages, 37(4):408-414

Abstract in English:

ABSTRACT.- Bezerra L.R., Oliveira W.D.C., Silva T.P.D., Torreão J.N.C., Marques C.A.T., Araújo M.J. & Oliveira R.L. 2017. Comparative hematological analysis of Morada Nova and Santa Inês ewes in all reproductive stages. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(4):408-414. Departamento de Zootecnia, Universidade Federal do Piauí, Bom Jesus, PI 64 900-000, Brazil. E-mail: tairon.mvet@gmail.com Hematologic analysis provides reliable information on the health status of animals. It is an important variable in the assessment of adaptive and productive capacity of breeds under unfavorable environmental conditions. It is an assessment that combined with other genetic and environmental factors and management can become useful for the future sustainability of mainstream agriculture in a hot environment. Adaptive capacity is affected by some factors such as breed, pregnancy and lactation. Therefore, hematological profile is an important indicator of animal health and production. The objective of this study was to perform the comparative hematological analysis of Santa Inês and Morada Nova breeds (native ewes from Brazil) in all different reproductive stages. Twenty Santa Ines and 20 Morada Nova sheep distributed in a completely randomized design in a split-plot arrangement over time were used. To obtain blood counts, blood samples were collected by jugular venipuncture every 14 days, always in the morning, before the animals were released into the pasture. The Morada Nova breed had higher hemoglobin and total leukocyte count than Santa Inês breed. Regarding the influence of pregnancy and puerperium on the eritrogram, there was an increment in red blood cell, hemoglobin and packed cell volume of both breeds in middle pregnancy. However, had a reduction in late pregnancy. There were a reestablishment of the blood cell counts during the puerperium period. It was verified an increase on neutrophil: lymphocyte ratio indicated that ewes in the late pregnancy, postpartum and puerperium were under stress conditions compared to others reproductive stages. The total plasma proteins also increased during this period to compensate for the high nutritional requirements of the fetus, and these levels remained high until the end of the puerperal phase, when the lambs were weaned. The pregnancy and puerperium influenced all erythrocyte indices and changed the total leukocyte count.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Bezerra L.R., Oliveira W.D.C., Silva T.P.D., Torreão J.N.C., Marques C.A.T., Araújo M.J. & Oliveira R.L. 2017. Comparative hematological analysis of Morada Nova and Santa Inês ewes in all reproductive stages. [Análise hematológica comparativa de ovelhas Morada Nova e Santa Inês em todos os estágios reprodutivos.] Pesquisa Veterinária Brasileira 37(4):408-414. Departamento de Zootecnia, Universidade Federal do Piauí, Bom Jesus, PI 64 900-000, Brazil. E-mail: tairon.mvet@gmail.com A análise hematológica fornece informação confiável sobre a saúde dos animais. É uma variável importante na avaliação da capacidade adaptativa e produtiva das raças sob condições ambientais desfavoráveis. É uma avaliação que aliada a outros fatores genéticos, ambientais e de manejo pode se tornar cada vez mais útil para a sustentabilidade futura da agricultura convencional em um ambiente quente. A capacidade adaptativa é afetada por alguns fatores como raça, gestação e lactação. Portanto, o perfil hematológico é um indicador importante da saúde e produção animal. O objetivo deste estudo foi realizar a análise hematológica comparativa de ovelhas Morada Nova e Santa Inês (ovelhas nativas do Brasil) em todos os estágios reprodutivos. Foram utilizadas 20 ovelhas Santa Inês e 20 Morada Nova distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado, em parcelas subdivididas e medidas repetidas no tempo. Para a análise do sangue, foram coletadas amostras por venopunção jugular a cada 14 dias, sempre colhidas pela manhã, antes que os animais fossem soltos no pasto. A raça Morada Nova apresentou maior teor de hemoglobina e contagem total de leucócitos que a raça Santa Inês. Em relação à influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma, observou-se que houve um incremento dos valores da contagem dos eritrócitos, hematócrito e hemoglobina até o terço médio da gestação, reduzindo no final da gestação e restabelecendo novamente no período puerperal. Foi verificado um aumento na relação neutrófilo/linfócito indicando que ovelhas no final da gestação, no pós-parto e puerpério estavam sob condição de estresse comparado com os outros estágios reprodutivos. As proteínas plasmáticas totais também aumentaram durante o período gestacional para compensar os altos requisitos nutricionais do feto, e estes níveis permaneceram elevados até ao final da fase de puerpério quando os cordeiros foram desmamados. A gestação e o puerpério influenciaram todos os índices eritrocitários com alteração da contagem total de leucócitos.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV