Resultado da pesquisa (1)

Termo utilizado na pesquisa dieta de exclusão

#1 - Efficacy of hydrolyzed soy dog food and homemade food with original protein in the control of food-induced atopic dermatitis in dogs, 38(7):1389-1393

Abstract in English:

ABSTRACT.- Vandresen G. & Farias M.R. 2018. Efficacy of hydrolyzed soy dog food and homemade food with original protein in the control of food-induced atopic dermatitis in dogs. [Eficácia da ração de soja hidrolisada e da comida caseira com proteína original no controle da dermatite atópica induzida por alimentos em cães.] Pesquisa Veterinária Brasileira 38(7):1389-1393. Escola de Ciências Agrárias e Medicina Veterinária, Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Rodovia BR-376 Km 14, Costeira, São José dos Pinhais, PR 83010-500, Brazil. E-mail: grazivan@gmail.com Trophoallergens are specific components of food or its ingredients, able to precipitate the atopic eczema at 19.6% to 30% of the dogs with atopic dermatitis (AD). This study evaluated the efficacy of hydrolyzed soy dog food and homemade food with unusual protein in the control of chronic pruritus in dogs with AD. For this, twenty-eight dogs with AD were selected. AD diagnosis was based on Favrot’s criteria. The animals were separated in two groups; one group consumed hydrolyzed soy dog food while the other group consumed homemade food with protein sources and original carbohydrates. They were evaluated every two weeks by the Rybnicek and CADLI scale over 60 days. Animals in the group that consumed hydrolyzed soy dog food presented a reduced score of pruritus (Rybnicek scale) on days +15, +30, +45 and +60 (P<0.01) compared to day 0. While the dogs in the homemade food group have not presented a significant difference (P>0.05) in 60 days of treatment. When evaluated by the Canine Atopic Dermatitis Lesion Index (CADLI), dogs treated with soy hydrolyzed dog food had a partial improvement on days +45 (P<0.05) and +60 (P<0.01) compared to day 0, while the dogs in the second group did not show improvements (P>0.05) in 60 days of treatment. In conclusion, soy hydrolyzed dog food has proved effective to partially control clinical signs of food-induced atopic dermatitis; however, it is not effective for the complete control of the disease.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Vandresen G. & Farias M.R. 2018. Efficacy of hydrolyzed soy dog food and homemade food with original protein in the control of food-induced atopic dermatitis in dogs. [Eficácia da ração de soja hidrolisada e da comida caseira com proteína original no controle da dermatite atópica induzida por alimentos em cães.] Pesquisa Veterinária Brasileira 38(7):1389-1393. Escola de Ciências Agrárias e Medicina Veterinária, Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Rodovia BR-376 Km 14, Costeira, São José dos Pinhais, PR 83010-500, Brazil. E-mail: grazivan@gmail.com Os trofoalérgenos são componentes específicos do alimento ou de seus ingredientes, capazes de precipitar o eczema atópico em 19,6% a 30% dos cães com dermatite atópica (DA). O presente estudo teve como objetivo avaliar a eficácia da ração de soja hidrolisada e da comida caseira com proteína não usual no controle do prurido crônico em cães com DA. Para isso foram utilizados vinte e oito cães com DA. O diagnóstico de DA foi baseado nos critérios de Favrot. Os animais foram separados em dois grupos, um grupo consumindo ração hidrolisada de soja e o outro grupo comida caseira com fontes de proteína e carboidratos originais. Estes foram avaliados quinzenalmente pela escala de Rybnicek e CADLI durante 60 dias. Os animais do grupo alimentado com ração hidrolisada de soja apresentaram uma minimização no escore de prurido (escala de Rybnicek) nos dias +15, +30, +45 e +60 (P<0,01) em relação ao dia 0. Já os cães do grupo alimentado com comida caseira não apresentaram diferença significativa (P>0,05) nos 60 dias de tratamento. Quando avaliados pelo índice de CADLl os cães tratados com ração hidrolisada de soja tiveram uma melhora parcial nos dias, +45 (P<0,05) e +60 (P<0,01) em relação ao dia 0, enquanto que os cães do segundo grupo não obtiveram melhora (P>0,05) nos 60 dias de tratamento. A ração hidrolisada de soja se mostrou efetiva para controlar parcialmente os sinais clínicos da dermatite atópica induzida por alimentos, no entanto, não é eficaz para o controle total da doença.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV