Resultado da pesquisa (3)

Termo utilizado na pesquisa seminiferous tubule

#1 - Testicular histological evaluation and serum testosterone concentrations of bulls after chemical castration with calcium chloride, 38(8):1554-1563

Abstract in English:

ABSTRACT.- Pereira L.F., Dias F.G.G., Miguel M.P., Honsho C.S., Tavares D.C., Hellú J.A.A. & Souza F.F. 2018. Testicular histological evaluation and serum testosterone concentrations of bulls after chemical castration with calcium chloride. [Avaliação histológica e das concentrações séricas de testosterona de touros após a castração química com cloreto de cálcio.] Pesquisa Veterinária Brasileira 38(8):1554-1563. Departamento de Reprodução Animal e Radiografia Veterinária, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Rua Prof. Dr. Walter Maurício Correa s/n, Cx. Postal 560, Campus de Botucatu, Botucatu, SP 18618‑681, Brazil. E-mail: fabiana.f.souza@unesp.br Orchiectomized bulls have advantages in the meat quality and ease of handling. Chemical castration is an option for surgical castration and the sclerosing agents can be administered into the testicular or epididymis parenchyma. These agents have a lower incidence of complications than surgery, especially when associated with dimethylsulfoxide (DMSO), which has anti‑inflammatory action and increases the absorption of other drugs. Thus, this study aimed to evaluate the effect of a single intratesticular injection of calcium chloride solution associated with DMSO for the chemical sterilization of bulls. Twenty-four young adult bulls were utilized, distributed into 3 groups (G20, G30 and G40, n = 8/group), according to the calcium chloride concentration (20, 30 and 40%), in 10mL volume. Serum concentrations of testosterone, body weight, testicular volume and ecotexture, clinical signs and behavior and were evaluated for 45 days. Thus, the animals were orchiectomized and testicles were assessed histologically. There were no changes in body weight, decreased serum testosterone concentrations (except G30), signs of scrotal sensitivity or changes in behavior over the period. However, there was significant increase in testicular volume, especially on the 2nd and 3rd day after treatment, with values returning to the value initials at 15 days. Testicular adherence and firm consistency were observed during orchiectomy. Ultrasound examination revealed a loss of integrity of the median raphe, with cavity formation and an alteration of the testicular echotexture. In the histological evaluation, coagulation necrosis of seminiferous tubules and interstitial cells was observed, mainly in the medial portion in all groups. Some animals presented total absence of tubular formations in all the studied groups, being the effects of greater intensity in the G40. Additionally, pronounced edema was noted in all groups, especially in G40. Inflammatory infiltrate, fibroplasia and neovascularization were found to be predominantly discrete. Based on the conditions used in this study, we conclude that calcium chloride associated with DMSO can be used as a method of chemical sterilization in bovines.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Pereira L.F., Dias F.G.G., Miguel M.P., Honsho C.S., Tavares D.C., Hellú J.A.A. & Souza F.F. 2018. Testicular histological evaluation and serum testosterone concentrations of bulls after chemical castration with calcium chloride. [Avaliação histológica e das concentrações séricas de testosterona de touros após a castração química com cloreto de cálcio.] Pesquisa Veterinária Brasileira 38(8):1554-1563. Departamento de Reprodução Animal e Radiografia Veterinária, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Rua Prof. Dr. Walter Maurício Correa s/n, Cx. Postal 560, Campus de Botucatu, Botucatu, SP 18618‑681, Brazil. E-mail: fabiana.f.souza@unesp.br Bovinos orquiectomizados apresentam vantagens na qualidade da carne e facilidade no manejo. A quimioesterilização é uma opção à castração cirúrgica e os agentes esclerosantes podem ser administrados no parênquima testicular ou epidídimo. Estes produtos possuem menor incidência de complicações, comparados a cirurgia, especialmente quando associados ao dimetilsulfóxido (DMSO), que apresenta ação anti-inflamatória e aumenta a absorção de outros fármacos. Assim, este estudo teve como objetivo avaliar o efeito de uma única injeção intratesticular de solução de cloreto de cálcio associado com 0,5% de DMSO para a esterilização química de bovinos. Vinte e quatro touros adultos jovens foram utilizados, distribuídos em 3 grupos (G20, G30 e G40, n = 8/grupo) de acordo com a concentração de cloreto de cálcio (20, 30 e 40%), em um volume de 10mL. Foram avaliadas as concentrações séricas de testosterona, peso corporal, volume e ecotextura testicular, sinais clínicos e comportamento por 45 dias. A seguir, os animais foram submetidos à orquiectomia e os testículos avaliados histologicamente. Não foram observadas alterações do peso corporal, diminuição das concentrações de testosterona sérica (exceto no G30), sinais de sensibilidade escrotal ou alterações no comportamento no período avaliado. Porém, houve aumento significativo do volume testicular, especialmente nos 2º e 3º dia após o tratamento, com valores retornando aos iniciais aos 15 dias. Aderência e consistência firme dos testículos foram achados observados durante a orquiectomia. O exame ultrassonográfico revelou perda de integridade da rafe mediana, com formação de cavidades e alteração da ecotextura testicular. Na avaliação histológica, verificou-se necrose de coagulação de túbulos seminíferos e células intersticiais acentuada, principalmente, na porção medial em todos os grupos, sendo que em alguns animais havia ausência total das formações tubulares em todos os grupos estudados, sendo os efeitos de maior intensidade no G40. Além disso, edema foi acentuado em todos os grupos, principalmente em G40. Infiltrado inflamatório, fibroplasia e neovascularização foram achados predominantemente discretos. Com base nas condições utilizadas neste estudo, conclui-se que o cloreto de cálcio associado com o DMSO pode ser utilizado como um método de esterilização química em bovinos.


#2 - Morphological and functional analysis of spermatogenesis in guinea pigs (Cavia porcellus) from pre-puberty to post-puberty, 33(Supl.1):1-7

Abstract in English:

ABSTRACT.- Nunes A.K.R., Gouveia B.B.., Matos M.H.T., Pires I.C., Franzo V.S., Faria M.D. & Gradela A. 2013. [Morphological and functional analysis of spermatogenesis in guinea pigs (Cavia porcellus) from pre-puberty to post-puberty.] Análise morfológica e funcional do processo espermatogênico em cobaios (Cavia porcellus) da pré-puberdade até a pós-puberdade. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(Supl.1):1-7. Colegiado de Medicina Veterinária, Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco, Rodovia 407 Km 12, Lote 543, Projeto Nilo Coelho C1, Petrolina, PE 56300-000, Brazil. E-mail: agradela@hotmail.com This study describes the morphological and functional analysis of spermatogenesis in guinea pigs (Cavia porcellus) with five (W5), six (W6), nine (W9) and eleven (W11) weeks of age (n=5/group). The aspects analyzed include counts of cell populations present in stage 1 of seminiferous epithelium cycle (SEC), efficiency of spermatogonial mitosis (EMi), meiotic production (EMe), overall yield of spermatogenesis (EOS), Sertoli cell index (SCI) and carrying capacity of Sertoli cells (CCSC). The results showed that the average number of spermatogonia type A, primary spermatocytes in pré-leptóteno/leptóteno, primary spermatocytes in pachytene, total spermatogenic cells and Sertoli cells showed numerical variations according to age; however they were statistically not detected, while round spermatids increased significantly at puberty and then stabilized. The spermatogenic production of 5 to 11-week-old guinea pigs did not reach the stabilization point, and the RMi, RME, EOS, SCI and CCSC showed significant number variation as a function of age. The results demonstrate that Cavia porcellus in post-pubertal stage 2 are an advantageous experimental model to address studies on the processes of homologous recognition, alignment, and synapsis during meiotic prophase; intrinsic yield of spermatogenesis in guinea pigs is similar to Wistar rats, paca and agouti (Dasyprocta sp.) and lower than in cavies, whereas the functional efficiency of Sertoli cells is higher than in agouti and Wistar rats, and lower than in pacas, spiny rat and collared peccaries. We conclude that in guinea pigs the spermatogenesis is fully established at 6 weeks of age, indicating the pubertal stage of sexual development, and until week 11 they do not reach the maximum daily sperm production and therefore sexual maturity.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Nunes A.K.R., Gouveia B.B.., Matos M.H.T., Pires I.C., Franzo V.S., Faria M.D. & Gradela A. 2013. [Morphological and functional analysis of spermatogenesis in guinea pigs (Cavia porcellus) from pre-puberty to post-puberty.] Análise morfológica e funcional do processo espermatogênico em cobaios (Cavia porcellus) da pré-puberdade até a pós-puberdade. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(Supl.1):1-7. Colegiado de Medicina Veterinária, Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco, Rodovia 407 Km 12, Lote 543, Projeto Nilo Coelho C1, Petrolina, PE 56300-000, Brazil. E-mail: agradela@hotmail.com Este estudo descreveu as análises morfológica e funcional do processo espermatogênico em cobaios (Cavia porcellus) de cinco (S5); seis (S6); nove (S9) e onze (S11) semanas de idade (N=5/grupo). Os aspectos analisados incluíram a contagem das populações celulares presentes no estádio 1 do ciclo do epitélio seminífero (CES), eficiência das mitoses espermatogoniais (RMi), produção meiótica (RMe), rendimento geral da espermatogênese (RGE), índice de células de Sertoli (ICS) e capacidade de suporte das células de Sertoli (CSCS). Os resultados mostraram que número médio de espermatogônias A, espermatócitos primários em pré-leptóteno/leptóteno, espermatócitos primários em paquíteno, células espermatogênicas totais e células de Sertoli mostraram variações numéricas em função da idade, entretanto, não detectadas estatisticamente, enquanto espermátides arredondadas aumentaram significativamente na puberdade e depois se estabilizaram. A produção espermatogênica de cobaios de 5 a 11 semanas não atingiu o ponto de estabilização e o RMi, RMe, RGE, ICS e CSCS mostraram variação numérica significativa em função da idade. Os resultados demonstraram que Cavia porcellus na pós-puberdade 2 são um modelo experimental vantajoso para estudos de processos de reconhecimento homólogos, alinhamento, e sinapses durante a prófase meiótica; o rendimento intrínseco da espermatogênese em cobaios é semelhante ao relatado para ratos Wistar, pacas e cutias (Dasyprocta sp.) e menor do que em preás, enquanto que a eficiência funcional das células de Sertoli é superior a de cutias e ratos Wistar e inferior à de pacas, rato espinhoso e catetos. Concluiu-se que em cobaios a espermatogênese está completamente estabelecida na semana 6 de idade, indicando a fase púbere do desenvolvimento sexual, e até a semana 11 eles não atingiram a produção espermática diária máxima e, portanto, a maturidade sexual.


#3 - Body and testicular development in males of meat- and egg-type quails of 25 to 360 days, 32(11):1205-1212

Abstract in English:

ABSTRACT.- Santos T.C., Murakami A.E., Oliveira C.A.L. & Costa P.D. 2012. [Body and testicular development in males of meat- and egg-type quails of 25 to 360 days.] Desenvolvimento corporal e testicular em machos de codornas de corte e de postura de 25 a 360 dias. Pesquisa Veterinária Brasileira 32(11):1205-1212. Departamento de Zootecnia, Universidade Estadual de Maringá, Av. Colombo 5790, Maringá, PR 87020-900, Maringá, PR, Brazil. E-mail: tcsantos@uem.br Meat- and egg-type quails were analyzed to determine reproductive development, puberty and the onset of senility. For this purpose, 288 quails (144 meat- and 144 egg-type quails) were followed from hatch to 360 days old. The birds were distributed by age in 18 groups, 8 quails/group/type of quail. After 35 days quails were maintained under long daylength conditions (17L: 7D). The live weight and the macro and microscopical testicular characteristics were determined in each period. The data were analyzed to determine the growth curve and the behavior of parameters. The model that best fits the data was the non-linear Gompertz model (Y = A exp [-B and (-kt)]). Live weight and testicular morphometric parameters had an allometric behavior among themselves, and at approximately 60 days the males had sexually development, and body weight stabilized at about 100 days. The right testicle was more cranial than the left, differing in the length and width, but no difference in testicular weight (P>0.05) was observed. The meat quails had a larger body weight and testicular weight than the egg quails, but the egg-quail had a higher percentage of testes in relation to body weight. During the whole adult period the males could be considered sexually fit. Breeders had active sex characteristics until 360 days of age, represented by testicular size and by cellular activity in the seminiferous tubules.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Santos T.C., Murakami A.E., Oliveira C.A.L. & Costa P.D. 2012. [Body and testicular development in males of meat- and egg-type quails of 25 to 360 days.] Desenvolvimento corporal e testicular em machos de codornas de corte e de postura de 25 a 360 dias. Pesquisa Veterinária Brasileira 32(11):1205-1212. Departamento de Zootecnia, Universidade Estadual de Maringá, Av. Colombo 5790, Maringá, PR 87020-900, Maringá, PR, Brazil. E-mail: tcsantos@uem.br Codornas do tipo carne e tipo ovos foram analisadas para determinar o desenvolvimento reprodutivo, a puberdade e o início da senilidade. Para tal, 288 codornas (144 codornas de corte e 144 de postura) foram acompanhadas desde a eclosão até os 360 dias de idade. As aves foram distribuídas por idade em 18 grupos, sendo 8 codornas/grupo/tipo de codorna. Após 35 dias as codornas foram mantidas em condições de fotoperíodo de dias longos (17luz: 7escuro). O peso vivo e os valores morfométricos e histológicos testiculares foram determinados em cada período. Os dados obtidos foram analisados para determinar a curva de crescimento e o comportamento dos parâmetros analisados. O modelo que mais se adequou aos dados foi o modelo não linear de Gompertz (Y=A exp [-B e (-kt)]). O peso vivo e as características testiculares macro e microscópicas apresentaram comportamento alométrico entre si, sendo que, aproximadamente aos 60 dias os machos apresentaram-se sexualmente desenvolvidos, e estabilizaram o peso corporal por volta dos 100 dias. O testículo direito é mais cranial que o esquerdo e diferem em relação a comprimento e largura, porém não foi observada diferenças (P>0,05) para peso testicular. As codornas de corte apresentaram peso corporal e peso testicular maiores que as codornas de postura, porém as codornas de postura apresentaram peso relativo testicular maior. Durante todo o período analisado os machos puderam ser considerados sexualmente aptos. Os reprodutores apresentaram características sexuais ativas até os 360 dias de idade, representadas pelo tamanho testicular e pela atividade celular nos túbulos seminíferos.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV