Ano 2011 - Volume 31, Número 1001


Título
Aspectos macroscópicos da dura mater de Saimiri sciureus, 31(Supl.1):7-10
Autores

Resumo
RESUMO.- Barcellos F.M., Branco E., Fioretto E.T., Imbeloni A.A., Muniz J.A.P.C. & Lima A.R. 2011. Macroscopic aspects of Saimiri sciureus dura mater. [Aspectos macroscópicos da dura mater de Saimiri sciureus.] Pesquisa Veterinária Brasileira 31(Supl.1):7-10. Instituto de Saúde e Produção Animal, Universidade Federal Rural da Amazônia, Campus de Belém, PA 66077-530, Brazil. E-mail: erika.branco@ufra.edu.br

Saimiri sciureus, com nome comum de macaco-de-cheiro, é um pequeno primata do Novo Mundo (PNM) que habita as florestas tropicais da Bacia Amazônica. Os detalhes anatômicos de primatas são pouco conhecidos e a anatomia comparada de animais selvagens da América do Sul é escassa, mais especificamente, sobre as meninges de PNM. Meninges pertencem a um sistema de membrana responsável por envolver e proteger o Sistema Nervoso Central; consiste em três membranas: dura mater, aracnoide e pia mater. Este estudo objetivou a elucidação do comportamento anatômico da dura mater de S. sciureus com o intuito de contribuir para a área de neurociências em primatas. Foram investigados três fêmeas e dois machos jovnes de S. sciureus. Os espécimes de meninges foram fixados por perfusão usando solução aquosa 10% de formaldeído. O encéfalo de S. sciureus demonstrou um número baixo de giros e circunvoluções, e um sistema delicado de oito seios venosos foi verificado entre as camadas da dura mater. Baseados em nossos achados podemos concluir que a dura mater de S. sciureus é similar aos de outros mamíferos, no entanto, apresenta a formação de um novo seio venoso em nível ao osso parietal, sendo denominado de seio parietal. Isto parece ser a primeira descrição deste seio.
Download / Visualização