Ano 2014 - Volume 34, Número 11


Título
Linfangiografia uterina: comparação de dois métodos para localização do linfonodo ilíaco medial, 34(11):1121-1126
Autores

Resumo
RESUMO.- Justino R.C., Cardoso G.S., Trautwein L.G.C., Dessunti G.T., Oliveira D.V., Bernardes R. & Martins M.I.M. 2014. Uterine lymphangiography: comparison of two methods for locating the medial iliac lymph node. [Linfangiografia uterina: comparação de dois métodos para localização do linfonodo ilíaco medial.] Pesquisa Veterinária Brasileira 34(11):1121-1126. Departamento de Clínicas Veterinárias, Universidade Estadual de Londrina, Rodovia Celso Garcia, Londrina, PR 86061-900, Brazil. E-mail: imartins@uel.br

A utilização de diferentes métodos para o mapeamento linfático em cães, como a infusão de substâncias radioativas e corantes vitais em tecidos, tem sido estudada, tendo como objetivo a detecção precoce de metástases em linfonodos. Com isso pode-se antecipar medidas terapêuticas e, consequentemente, prolongar sobrevida e melhorar qualidade de vida dos pacientes. Os objetivos deste experimento foram localizar os linfonodos responsáveis pela drenagem dos cornos e corpo uterino da cadela e tentar estabelecer relação entre útero e linfonodos ilíacos mediais com a finalidade de contribuir para o diagnóstico precoce e prognóstico das afecções uterinas. Foram estudadas 15 cadelas divididas em 2 grupos (5 cadáveres e 10 cadelas no transoperatório de ovariohisterectomia). O corante utilizado foi o azul patente V (Bleu Patente®). Pôde-se observar que a cadeia de linfonodos ilíacos recebe grande parte da drenagem uterina (cornos) e pode ser considerada em estudos para a sanidade deste órgão. Essa informação permite inferir que a avaliação desses linfonodos possibilita a correlação da alteração em seu padrão fisiológico com patologias uterinas.
Download / Visualização