Ano 2015 - Volume 35, Número 5


Título
Expressão de citocinas e detecção molecular de Mycobacterium avium subspecies paratuberculosis em órgãos de camundongos infectados experimentalmente, 35(5):396-402
Autores

Resumo
RESUMO.- Schwarz D.G.G., Pietralonga P.A.G., Souza M.C.C., Carvalho I.A., Cruzeiro R.S., Malaquias J.V., Benjamin L.A., Silva Júnior A. & Moreira M.A.S. 2015. Cytokine gene expression and molecular detection of Mycobacterium avium subspecies paratuberculosis in organs of experimentally infected mice. [Expressão de citocinas e detecção molecular de Mycobacterium avium subspecies paratuberculosis em órgãos de camundongos infectados experimentalmente.] Pesquisa Veterinária Brasileira 35(5):396-402. Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa, Av. Peter Henry Rolfs s/n, Viçosa, MG 36570-900, Brazil. E-mail: masm@ufv.br

Mycobacterium avium subespécie paratuberculosis (MAP) pode infectar ruminantes e permanecer subclínica por longos períodos nos rebanhos. A identificação de órgãos mais susceptíveis à infecção e a avaliação da expressão das citocinas no local da infecção são importantes para compreender a patogênese de MAP. Neste estudo foi avaliada a probabilidade de detecção de DNA de MAP e a expressão de citocinas em órgãos de camundongos C57BL/6 infectados por via intraperitoneal durante 120 dias. Dentre os órgãos avaliados, o baço (85%), cólon (75%) e fígado (60%) tiveram as maiores frequências de positividade. Quando comparadas essas frequências entre os órgãos, verificou-se que o baço teve 1,54 vezes mais probabilidade de ser positivo em relação ao íleo, e 2,0 vezes mais probabilidade em relação às placas de Peyer. Além disso, aos 60 dias pós infecção, o baço e o fígado foram responsáveis pela maior expressão de IFN-γ e o íleo pela TNF-α e IL-4. Os resultados indicam que o baço é o melhor órgão para avaliar uma infecção experimental por MAP, principalmente nos períodos iniciais da infecção. Além disso, demonstrou que o baço, fígado e íleo têm importância direta na resposta inflamatória de modelos experimentais.
Download / Visualização