Ano 2016 - Volume 36, Número 3


Título
Análise de sobrevivência de cadela com tumores mamários após mastectomia: aspectos epidemiológicos, clínicos e morfológicos, 36(3):181-186
Autores

Resumo
RESUMO.- Dias M.L.M., Andrade J.M.L., Castro M.B. & Galera P.D. 2016. Survival analysis of female dogs with mammary tumors after mastectomy: epidemiological, clinical and morphological aspects. [Análise de sobrevivência de cadela com tumores mamários após mastectomia: aspectos epidemiológicos, clínicos e morfológicos.] Pesquisa Veterinária Brasileira 36(3):181-186. Departamento de Cirurgia de Pequenos Animais, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Universidade de Brasília, Avenida L4 Norte, Asa Norte, Brasília, DF 95320-000, Brazil. E-mail: dra.paulagalera@gmail.com

Os tumores da glândula mamária são o tipo mais comum de tumores em cadelas, porém, estudos sobre o tempo de sobrevida após o diagnóstico são escassos. Objetivou-se investigar a relação entre o tempo de sobrevida após a mastectomia, bem como variáveis clínicas e populacionais. Coletaram-se dados retrospectivos referentes a cadelas com tumores mamários atendidos no Serviço de Clínica Cirúrgica de Pequenos Animais da Universidade de Brasília e submetidas à mastectomia. A análise de sobrevida foi realizada mediante o método de Cox de risco proporcional. Dos 139 animais incluídos neste estudo, 68 morreram e 71 sobreviveram até ao final da conclusão deste traballho (64 meses). A média de idade foi de 11,76 anos (DP=2,71), 53,84% dos cães eram pequenos. Dentre os tumores, 76,92% eram malignos, e 65,73% tiveram as duas glândulas torácicas e a inguinal afetadas. O tempo de sobrevida em meses foi associado à idade (taxa de razão de risco [HRR] =1,23, p valor =1.4x10-4), o tamanho do animal (HRR entre animais gigantes e pequenos = 2,61, p=0,02), tamanho do nódulo (HRR=1,09, p valor =0,03), tipo histológico (HRR entre carcinoma sólido e carcinomas em tumor misto =2,40, p=0,02), tempo decorrido entre o diagnóstico e a cirurgia (TDC, com HRR =1,21, p valor =2,7 x10-15), e a interação TDC*tempo de seguimento (HRR = 0,98, p valor = 1.6x10-11). O presente estudo é um dos poucos sobre o assunto. Várias covariáveis importantes foram avaliadas e idade, tamanho do animal, o tamanho do nódulo, tipo histológico, TDC e TDC*tempo de seguimento foram identificados como significativamente associado ao tempo de sobrevida.
Download / Visualização