Ano 2017 - Volume 37, Número 10


Título
Hibridização in situ fluorescente para diagnóstico de Brachyspira hyodysenteriae e B. pilosicoli em suínos, 37(10):1101-1107
Autores

Resumo
RESUMO.- Neves S.M.N., Gabardo M.P. & Guedes R.M.C. 2017. [Fluorescence in situ hybridization for diagnosis of Brachyspira hyodysenteriae e B. pilosicoli in swine.] Hibridização in situ fluorescente para diagnóstico de Brachyspira hyodysenteriae e B. pilosicoli em suínos. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(10):1101-1107. Departamento de Clínica e Cirurgia, Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Av. Antônio Carlos 6627, Pampulha, Belo Horizonte, MG 31270-901, Brazil. E-mail: guedesufmg@gmail.com

Disenteria Suína e Colite Espiroquetal são duas enfermidades importantes em suínos causados pela Brachyspira hyodysenteriae e Brachyspira pilosicoli, respectivamente. O diagnóstico eficaz dessas espécies é extremamente importante para a adoção de estratégias adequadas para o controle. Propõe-se avaliar a técnica de hibridização in situ de fluorescência (FISH) para detecção de B. hyodysenteriae e B. pilosicoli em fragmentos histopatológicos de intestino de suínos e compará-la ao PCR duplex. Foram analisadas amostras de fezes e intestinos de suínos de terminação com histórico de diarreia pelas técnicas de reação em cadeia da polimerase duplex (dPCR), hibridização in situ fluorescente (FISH) para diagnóstico dessas bactérias. Foram utilizadas 34 amostras de intestino de suínos de campo positivos para alguma das duas espécies de Brachyspira sp. nos testes de FISH ou PCR. Das 34 amostras analisadas, foram detectadas 28 (82,35%) positivas na PCR e no FISH. Dentre as 29 amostras positivas para B. hyodysenteriae, 23 (79,3%) foram positivas à PCR e 21 (72,4%) no FISH. Os resultados de FISH e PCR não diferiram estatisticamente entre si. Baseado no fato dessa técnica poder ser realizada em tecidos formolizados, ser prática, rápida e associar a marcação especifica do agente com lesões histológicas, o FISH demonstrou ser mais uma alternativa no diagnóstico de Brachyspira hyodysenteriae e B. pilosicoli.
Download / Visualização