Ano 2010 - Volume 30, Número 2


Título
Ultrassonografia em modo A e B na avaliação pré-operatória da lente e do segmento posterior de olhos de cães com catarata, 30(2):121-126
Autores

Resumo
RESUMO.- Martins B.C., Rodrigues Jr E.F., Souza A.L.G., Almeida D.E., Brito F.L.C., Canola J.C., Brooks D. & Laus J.L. 2010. A and B mode ultrasonography in preopera-tive evaluation of lens and posterior segment of dogs eyes with cataract. [Ultrassonografia em modo A e B na avaliação pré-operatória da lente e do segmento posterior de olhos de cães com catarata.] Pesquisa Veterinária Brasileira 30(2):121-126. Departamento de Clínica e Cirurgia Veterinária, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, SP 14884-900, Brazil. E-mail: jllaus@fcav.unesp.br

A ultrassonografia do segmento posterior do bulbo do olho é etapa indispensável na avaliação de cães com catarata que serão submetidos à facectomia, uma vez que a oftalmoscopia não é factível quando há opacificação da lente, notadamente nas cataratas maduras. Este estudo avaliou as condições ecográficas da lente cataratogênica e do fundo de olho de cães cursando com catarata. Foram avaliados 30 cães (56 olhos), sendo 10 machos e 20 fêmeas, cursando com catarata em diferentes estágios de desenvolvimento. Realizou-se a ecografia em modo A e B simultaneamente. Os exames revelaram catarata cortical anterior, posterior e nuclear em 12 olhos (21,4%), catarata cortical anterior, posterior, nuclear e capsular posterior em 23 olhos (41%), catarata cortical anterior, posterior e capsular posterior em um olho (1,7%), catarata cortical anterior e nuclear em um olho (1,7%), catarata cortical anterior, nuclear e capsular posterior em cinco olhos (8,9%) e catarata cortical anterior em sete olhos (12,5%). Alterações no segmento posterior foram observadas, à ultrassonografia, em 26 olhos avaliados (46,4%). Degeneração vítrea foi detectada em 12 olhos (21,4%), imagens compatíveis com exsudato ou hemorragia em sete olhos (12,5%), persistência da artéria hialóide em quatro olhos (7,1%) e subluxação da lente em três olhos (5,3%). Os resultados obtidos reiteram a importância da ultrassonografia em cães candidatos à cirurgia de catarata, uma vez que o exame do segmento posterior do bulbo do olho é de difícil execução, devido à opacificação da lente.
Download / Visualização