Resultado da pesquisa (66)

Termo utilizado na pesquisa genes

#31 - Influence of the year’s season on the testicular structure in sheep bred in southern Piaui, Brazil, 35(11):933-939

Abstract in English:

ABSTRACT.- Santos J.D.F., Eufrasio R.O., Pinheiro G.F.M., Alves F.R., Carvalho M.A.M. & Machado Júnior A.A.N. 2015. [Influence of the year’s season on the testicular structure in sheep bred in southern Piaui, Brazil.] Influência da estação do ano do ano sobre a estrutura testicular em ovinos criados no sul do Estado do Piauí. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(11):933-939. Curso de Medicina Veterinária, Universidade Federal do Piauí, Rodovia Municipal Bom Jesus-Viana Km 1, Planalto Horizonte, Bom Jesus, PI 64900-000, Brazil. E-mail: machadojunior@gmail.com To evaluate influence of the year season related with the testicular structure of cross bred sheep, the testes of ten 2 to 3-year-old sheep were sectioned and fixed in for 24 hours in bouin’s solution. The fragments were subjected to histological processing, embedded in paraffin and stained with hematoxylin-eosin. The volumetric proportion of testicular compartments, the seminiferous tubules, seminiferous epithelial height and frequency of the seminiferous epithelium stages of the cycle were evaluated. Data were subjected to analysis of variance at 5% probability. The results showed that all values studied were influenced by year’s season. The tubular diameter was 143.98±17.83 and 170.37±26.64μm, the seminiferous epithelium height was 44.92±9.23 and 50.06±13.61μm, and the testicle parenchyma volume density was 78.32±16.68 and 80.13±15.14% in the dry and rainy periods, respectively. The germ cells and Sertoli cells quantification showed that all values were higher in the rainy season compared with the dry season. It can be concluded that the year season interfered in the testicular structure, given that all values showed significant differences between the seasons, as the values were more pronounced during the rainy season.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Santos J.D.F., Eufrasio R.O., Pinheiro G.F.M., Alves F.R., Carvalho M.A.M. & Machado Júnior A.A.N. 2015. [Influence of the year’s season on the testicular structure in sheep bred in southern Piaui, Brazil.] Influência da estação do ano do ano sobre a estrutura testicular em ovinos criados no sul do Estado do Piauí. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(11):933-939. Curso de Medicina Veterinária, Universidade Federal do Piauí, Rodovia Municipal Bom Jesus-Viana Km 1, Planalto Horizonte, Bom Jesus, PI 64900-000, Brazil. E-mail: machadojunior@gmail.com Objetivou-se avaliar a influência da estação do ano sobre a estrutura testicular de ovinos SRD. Foram utilizados 10 animais com idade entre dois e três anos. Os testículos foram seccionados e fixados em solução de Bouin por 24h. Os fragmentos foram submetidos ao processamento histológico, emblocados em parafina e corados com hematoxilina eosina. Foram avaliadas a proporção volumétrica dos compartimentos testiculares, o diâmetro dos túbulos seminíferos, altura do epitélio seminífero e frequências dos estágios do ciclo do epitélio seminíferos. Os dados foram submetidos à análise de variância a 5% de probabilidade, do programa estatístico SAS 9.0. Os resultados revelaram todos os valores pesquisados sofreram influência da estação do ano. O valor do diâmetro tubular foi de 143,98±17,83 e 170,37±26,64µm, a altura do epitélio seminífero foi de 44,92±9,23 e 50,06±13,61µm e a proporção volumétrica foi de 78,32±13,68 e 80,13±15,14% nos períodos seco e chuvoso, respectivamente. A quantificação das células germinativas e de Sertoli mostrou todos os valores foram maiores no período chuvoso quando comparados com o seco. Concluiu-se que a estação do ano interferiu na estrutura testicular, tendo em vista que todos os valores da proporção volumétrica dos componentes testiculares mostraram diferença significativa entre as estações do ano, pois os valores foram mais acentuados no período chuvoso.


#32 - Effects of Cinnamon extract on biochemical enzymes, TNF-α and NF-κB gene expression levels in liver of broiler chickens inoculated with Escherichia coli, 35(9):781-787

Abstract in English:

ABSTRACT.- Tabatabaei S.M., Badalzadeh R., Mohammadnezhad G.R. & Balaei R. 2015. Effects of Cinnamon extract on biochemical enzymes, TNF-&#945; and NF-&#954;B gene expression levels in liver of broiler chickens inoculated with Escherichia coli. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(9):781-787. Department of Physiology, Faculty of Medical Sciences, Tabriz Branch, Islamic Azad University, Tabriz, Iran. E-mail: smt@iaut.ac.ir Infection with Escherichia coli (E. coli) is a common disease in poultry industry. The use of antibiotics to treat diseases is facing serious criticism and concerns. The medicinal plants may be effective alternatives because of their multiplex activities. The aim of this study was to investigate the effects of cinnamon extract on the levels of liver enzymes, tumor necrosis factor-alpha (TNF-&#945;) and nuclear factor-kappa B (NF-&#954;B) gene expressions in liver of broiler chickens infected with E. coli. Ninety Ross-308 broilers were divided into healthy or E. coli-infected groups, receiving normal or cinnamon extract (in concentrations of 100 or 200mg/kg of food) supplemented diets. E. coli suspension (108cfu) was injected subcutaneously after 12 days cinnamon administration. Seventy-two hours after E. coli injection, the blood samples were taken for biochemical analysis of liver enzymes in serum (spectrophotometrically), and liver tissue samples were obtained for detection of gene expression of inflammatory markers TNF-&#945; and NF-&#954;B, using real-time PCR. Infection with E. coli significantly increased the levels of TNF-&#945; and NF-&#954;B gene expressions as well as some liver enzymes including creatine-kinase (CK), lactate-dehydrogenase (LDH), alanine-transferase (ALT) and aspartate-transferase (AST) as compared with control group (P<0.05). Pre-administration of cinnamon extract in broilers diet (in both concentrations) significantly reduced the tissue levels of TNF-&#945; and NF-&#954;B gene expressions and enzymes CK and ALT in serum of broiler chickens inoculated with E. coli in comparison with E. coli group (P<0.05 and P<0.01). The levels of LDH and AST were significantly decreased only by 200mg/kg cinnamon extract in infected broilers. The level of alkaline-phosphatase (ALP) was not affected in any groups. Pre-administration of cinnamon extract in diets of broiler chickens inoculated with E. coli could significantly reduce the gene expression levels of pro-inflammatory mediators and liver enzymes activities, thereby protecting the liver against this pathologic condition.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Tabatabaei S.M., Badalzadeh R., Mohammadnezhad G.R. & Balaei R. 2015. Effects of Cinnamon extract on biochemical enzymes, TNF-&#945; and NF-&#954;B gene expression levels in liver of broiler chickens inoculated with Escherichia coli. [Efeitos de extrato de canela sobre os níveis de enzimas bioquímicos, e expressão de genes de TNF-&#945; e NF-&#954;B em fígado de frangos de corte inoculadas com Escherichia coli.] Pesquisa Veterinária Brasileira 35(9):781-787. Department of Physiology, Faculty of Medical Sciences, Tabriz Branch, Islamic Azad University, Tabriz, Iran. E-mail: smt@iaut.ac.ir Infecção ocasionada por Escherichia coli (E. coli) é uma enfermidade comum na indústria avícola. O uso de antibióticos para tratar doenças bacterianas vem enfrentando sérias críticas e preocupações. As plantas medicinais podem ser alternativas eficazes por causa de suas atividades sinérgicas. O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos do extrato de canela sobre os níveis de as enzimas hepáticas bem como sobre a expressão dos genes relativos, fator de necrose tumoral-alfa (TNF-&#945;) e fator nuclear -kappa B (NF-&#954;B) em fígado de frangos de corte infectados com E. coli. Noventa frangos Ross-308 foram divididos em grupos saudáveis ou infectados com E. coli, que receberam dietas controle ou com suplementação contendo extrato de canela (em concentrações de 100 ou 200 mg/kg de alimento). Suspensão de E. coli (108UFC) foi injetado por via subcutânea, após 12 dias de administração do extrato de canela. Setenta e duas horas após a injeção de E. coli, amostras de sangue foram colhidas para análise bioquímica das enzimas do fígado no soro (espectrofotometria), e amostras de tecido de fígado foram obtidas para a determinação da expressão de genes de marcadores inflamatórios TNF-&#945; e NF-&#954;B, através PCR em tempo real. A infecção com E. coli aumentou significativamente os níveis de expressão dos genes TNF-&#945; e NF-&#954;B, assim como algumas enzimas hepáticas, incluindo creatina-quinase (CK), lactato-desidrogenase (LDH), alanina-transferase (ALT) e aspartato-transferase (AST), em comparação com o grupo de controle (P<0.05). A pré-administração do extrato de canela na dieta dos frangos (em ambas as concentrações) reduziu significativamente os níveis de expressão tecidual de TNF-&#945; e NF-kB, da mesma forma que das enzimas CK e ALT no soro de frangos infectados com E. coli, em comparação com o grupos somente infectado com E. coli (P<0.05 e P<0.01). Os níveis de LDH e AST foram significativamente menores apenas para o grupo suplementado com extrato de canela na concentração de 200mg/kg. O nível de fosfatase alcalina (ALP) não foi afetado em nenhum grupo. A pré-administração do extrato de canela em rações para frangos infectados com E. coli pode reduzir significativamente os níveis de mediadores pró-inflamatórios e as atividades das enzimas hepáticas, desse modo protegendo o fígado contra esta condição patológica.


#33 - Detection of the genes encoding the toxin CDT, and research factors which influence the production of hemolysin in Campylobacter jejuni from poultry products, 35(8):709-715

Abstract in English:

ABSTRACT.- Trindade M.M., Perdoncini G., Sierra-Arguello Y.M., Lovato M., Borsoi A. & Nascimento V.P. 2015. [Detection of the genes encoding the toxin CDT, and research factors which influence the production of hemolysin in Campylobacter jejuni from poultry products.] Detecção dos genes codificantes da toxina CDT, e pesquisa de fatores que influenciam na produção de hemolisinas em amostras de Campylobacter jejuni de origem avícola. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(8):709-715. Laboratório Central de Diagnóstico de Patologia Aviária, Curso de Medicina Veterinária, Universidade Federal de Santa Maria, Campus Universitário, Santa Maria, RS 97105-900, Brazil. E-mail: michyvet@gmail.com Thermophilic members of the Campylobacter genus are recognized as important enteropathogenics for humans and animals. The great variety of ecological habitats, such as water, food and milk, may promote new virulence factors. To detect the encoding genes distending cytolethal toxin (CDT) by PCR and study the hemolytic activity with influence of chelation solutions and ions, 45 Campylobacter jejuni samples from poultry production origin were used to perform the hemolytic research. To check the influence of chelation agents and solution of ions in the hemolytic activity, samples of C. jejuni strains were grown in tryptone soy broth TSB containing chelation agents separately EDTA, acetic acid, CaCl2, MgCl2 and FeCl3 ions solutions in microaerophilic atmosphere and then streaked on 5% sheep blood tryptic soy agar (TSA). To perform the detection of cdtA, cdtB and cdtC genes the technique of Polymerase Chain Reaction (PCR) was used in 119 samples of C. jejuni from poultry production origin. We found 40% of samples showing hemolysis after growing with TSB. Only the acetic acid showed reduction in hemolysis. The prevalent gene profile was cdtABC in 37.8 % of the samples. It was observed that the results showed the presence of C. jejuni strains with virulent potential, due to presence of the CDT toxin genes and the hemolytic activity, which showed in vitro reduced when acetic acid was added.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Trindade M.M., Perdoncini G., Sierra-Arguello Y.M., Lovato M., Borsoi A. & Nascimento V.P. 2015. [Detection of the genes encoding the toxin CDT, and research factors which influence the production of hemolysin in Campylobacter jejuni from poultry products.] Detecção dos genes codificantes da toxina CDT, e pesquisa de fatores que influenciam na produção de hemolisinas em amostras de Campylobacter jejuni de origem avícola. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(8):709-715. Laboratório Central de Diagnóstico de Patologia Aviária, Curso de Medicina Veterinária, Universidade Federal de Santa Maria, Campus Universitário, Santa Maria, RS 97105-900, Brazil. E-mail: michyvet@gmail.com Membros termofílicos do gênero Campylobacter são reconhecidos como importantes enteropatógenos para o ser humano e animais. A grande diversidade ecológica destes micro-organismos em diferentes habitats tais como água, animais e alimentos predispõem ao aparecimento de novos fatores de virulência. Este trabalho teve por objetivo detectar os genes codificantes da Toxina Distensiva Citoletal (CDT) por meio da técnica de PCR, pesquisar a atividade de hemolisinas e a influência de soluções quelantes e de íons nesta atividade. Foram utilizadas 45 amostras de Campylobacter jejuni de origem avícola para pesquisa de atividade hemolítica, cultivadas em Caldo Triptona de Soja (TSB). Após o crescimento bacteriano, as amostras foram semeadas em Ágar tríptico de soja (TSA) contendo 5% de sangue de ovino. Para verificar a influência de agentes quelantes e solução de íons na atividade hemolítica, as amostras de C. jejuni foram cultivadas em TSB contendo separadamente os quelantes EDTA, ácido acético, soluções de íons CaCl2, MgCl2 e FeCl3, em atmosfera de microaerofilia. Quanto à atividade de hemolisina de C. jejuni em placas de TSA - sangue ovino foi possível observar que houve hemólise em 40% das amostras analisadas apenas com caldo TSB. Somente o ácido acético apresentou ação quelante sobre a atividade de hemolisinas em amostras de C. jejuni semeadas em placas de TSA - sangue ovino. Para detecção dos genes cdtA, cdtB e cdtC através da técnica da Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) foram utilizadas 119 amostras de C. jejuni de origem avícola. Foi possível observar que 37,8% possuíam o perfil de genes cdtABC. Os resultados demonstraram em amostras avícolas a presença de cepas de C. jejuni com potencial virulento, devido à presença dos genes da toxina CDT e potencial hemolítico, que apresentou ação reduzida in vitro com ácido acético.


#34 - Morfometric comparative analysis of the hoof of Nelore, Pantaneira and Curraleira breeds of cattle and buffaloes and their relationship with the pathogenesis of digital diseases, 35(4):377-384

Abstract in English:

ABSTRACT.- Silva L.A.F., Campos S.B.S., Rabelo R.E., Vulcani V.A.S., Noronha Filho A.D.F. & Freitas S.L.R. 2015. [Morfometric comparative analysis of the hoof of Nelore, Pantaneira and Curraleira breeds of cattle and buffaloes and their relationship with the pathogenesis of digital diseases.] Análise comparativa da morfometria do casco de bovinos das raças Nelore, Curraleira e Pantaneira e de bubalinos e sua relação com a etiopatogenia das enfermidades digitais. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(4):377-384. Setor de Clínica e Cirurgia, Departamento de Medicina Veterinária, Escola de Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Goiás, Campus II Samambaia, Goiânia, GO 74001-970, Brazil. E-mail: prof_ufg.dmv@hotmail.com Morfometric studies of bovine and buffalo digits can help to understand the etiopathogeny of digital diseases. This study described morphometric characteristics of digits of Curraleira (Bos taurus), Pantaneira (Bos taurus) Nelore (Bos indicus) breeds of cattle and Murrah buffalo (Bubalus bubalis) and stablish possible relation among the parameters and digital infirmities. Were used ten animals of each breed and specie. Two limbs were evaluated, a toracic and a pelvic, in a total of 80 distal limbs. Morphometric measurements were obtained using a graduated paquimeter and angles using a metallic protactor. The main parameters evaluated were hoof dorsal angle (A), dorsal wall length (B), heel height (C), toe height (D), hoof length (E), hoof diagonal hoof (F), lateral digit width (H), medial digit width (I) and medial digit length (J). For results averages comparison among breeds were used Tukey test (p<0,05). Multivariate analysys for graphic representations of canonic variables was used to express similarity of measures studied among groups, using R software. Results shows tha bubaline present higher morphometric measures for the variables B, C, D, E, F, G, H, I and J, only for variable A presented lower measures comparing the bovine breeds studied. There is similarity between the three breeds of cattle studied about toe height (D), lateral digit width (G) and medial digit width (H), which differed of values observed in buffalo. It was concluded that digital morphometry can influence the occurence of digital infirmities, but doesn´t act as an isolated factor, needing interaction of other structural, environmental and management factors for its occurence.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Silva L.A.F., Campos S.B.S., Rabelo R.E., Vulcani V.A.S., Noronha Filho A.D.F. & Freitas S.L.R. 2015. [Morfometric comparative analysis of the hoof of Nelore, Pantaneira and Curraleira breeds of cattle and buffaloes and their relationship with the pathogenesis of digital diseases.] Análise comparativa da morfometria do casco de bovinos das raças Nelore, Curraleira e Pantaneira e de bubalinos e sua relação com a etiopatogenia das enfermidades digitais. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(4):377-384. Setor de Clínica e Cirurgia, Departamento de Medicina Veterinária, Escola de Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Goiás, Campus II Samambaia, Goiânia, GO 74001-970, Brazil. E-mail: prof_ufg.dmv@hotmail.com O estudo morfométrico dos dígitos de bovinos e bubalinos pode colaborar para o entendimento da etiopatogenia das enfermidades podais. Este estudo objetivou descrever as características morfométricas dos dígitos de bovinos das raças Curraleira (Bos taurus), Pantaneira (Bos taurus), Nelore (Bos indicus) e de bubalinos (Bubalus bubalis) da raça Murrah e estabelecer possível relação entre tais medidas e a ocorrência de enfermidades digitais. Na pesquisa foram utilizados dez animais, saudáveis, de cada raça e espécie. Foram avaliados dois membros de cada animal, sendo um torácico e outro pélvico, totalizando 80 extremidades distais. As medidas morfométricas foram obtidas com auxílio de um paquímetro mecânico graduado e os ângulos das pinças conferidos por meio de transferidor metálico. Os principais parâmetros digitais avaliados foram o ângulo dorsal do casco (A), comprimento da parede dorsal (B), altura do talão (C), altura da pinça (D), comprimento do casco (E), comprimento diagonal do casco (F), largura do dígito lateral (G), largura do dígito medial (H), comprimento do dígito lateral (I) e comprimento do dígito medial (J). Para a comparação de médias dos resultados obtidos entre as raças foi utilizado o teste de Tukey (p<0,05). A análise multivariada para as representações gráficas das variáveis canônicas foi empregada para expressar a similaridade das medidas estudadas entre os grupos, no qual se utilizou o software R. Os resultados revelaram que os bubalinos apresentam as maiores medidas morfométricas para as variáveis B, C, D, E, F, G, H, I e J e apenas na variável A apresentaram medidas inferiores entre as diferentes raças de bovinos estudadas. Existe similaridade entre as três raças de bovinos estudadas em relação às variáveis, altura da pinça (D), largura do dígito lateral (G) e largura do dígito medial (H) as quais se distanciam dos valores encontrados para essas variáveis nos bubalinos, Concluiu que a morfometria digital pode influenciar na ocorrência de enfermidades digitais, mas não age como fator isolado, necessitando da interação com outros fatores estruturais, ambientais e de manejo para a manifestação dessas doenças.


#35 - Classification of antimicrobial resistance using artificial neural networks and the relationship of 38 genes associated with the virulence of Escherichia coli isolates from broilers, 35(2):137-140

Abstract in English:

ABSTRACT.- Rocha D.T., Salle F.O., Perdoncini G., Rocha S.L.S., Fortes F.B.B., Moraes H.L.S., Nascimento V.P. & Salle C.T.P. 2015. Classification of antimicrobial resistance using artificial neural networks and the relationship of 38 genes associated with the virulence of Escherichia coli isolates from broilers. Pesquisa Veterinária Brasileira 35(2):137-140. Centro de Diagnóstico e Pesquisa em Patologia Aviária, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Av. Bento Gonçalves 8824, Porto Alegre, RS 91540-000, Brazil. E-mail: cdpa@ufrgs.br Avian pathogenic Escherichia coli (APEC) is responsible for various pathological processes in birds and is considered as one of the principal causes of morbidity and mortality, associated with economic losses to the poultry industry. The objective of this study was to demonstrate that it is possible to predict antimicrobial resistance of 256 samples (APEC) using 38 different genes responsible for virulence factors, through a computer program of artificial neural networks (ANNs). A second target was to find the relationship between (PI) pathogenicity index and resistance to 14 antibiotics by statistical analysis. The results showed that the RNAs were able to make the correct classification of the behavior of APEC samples with a range from 74.22 to 98.44%, and make it possible to predict antimicrobial resistance. The statistical analysis to assess the relationship between the pathogenic index (PI) and resistance against 14 antibiotics showed that these variables are independent, i.e. peaks in PI can happen without changing the antimicrobial resistance, or the opposite, changing the antimicrobial resistance without a change in PI.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Rocha D.T., Salle F.O., Perdoncini G., Rocha S.L.S., Fortes F.B.B., Moraes H.L.S., Nascimento V.P. & Salle C.T.P. 2015. Classification of antimicrobial resistance using artificial neural networks and the relationship of 38 genes associated with the virulence of Escherichia coli isolates from broilers. [Utilização de redes neurais artificiais para a classificação da resistência a antimicrobianos e sua relação com a presença de 38 genes associados a virulência isolados de amostras de Escherichia coli provenientes de frangos de corte.] Pesquisa Veterinária Brasileira 35(2):137-140. Centro de Diagnóstico e Pesquisa em Patologia Aviária, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Av. Bento Gonçalves 8824, Porto Alegre, RS 91540-000, Brazil. E-mail: cdpa@ufrgs.br Escherichia coli patogênica (APEC) para as aves é responsável por vários processos patológicos em aves, sendo considerado como uma das principais causas de morbidade e mortalidade, associado com perdas econômicas para a indústria avícola. O objetivo do presente trabalho foi demonstrar que é possível predizer a resistência antimicrobiana de 256 amostras de APEC utilizando 38 genes responsáveis por distintos fatores de virulência, através de um programa computacional de redes neurais artificiais (RNAs). O segundo objetivo foi verificar por análise estatística a relação entre o índice de patogenicidade (IP) e a resistência aos 14 antimicrobianos. Os resultados demostraram que as RNAs foram capazes de realizar a classificação correta do comportamento das amostras APEC com uma amplitude de 74,22 a 98,44%, desta forma tornando possível predizer a resistência antimicrobiana. A análise estatística realizada para verificar a relação entre o IP e a resistência aos antimicrobianos demostrou que estas variáveis são independentes, ou seja, podem haver picos no IP sem alteração na resistência, ou até mesmo o contrário, alteração na resistência antimicrobiana sem mudança no IP.


#36 - The embryonic development of Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), using histological techniques, electron microscopy and immunological techniques using bone markers, 34(Supl.1):92-98

Abstract in English:

ABSTRACT.- Souza E.Z., Jesus L.W.O., Meireles W.A., Borella M.I., Bianchi P.K.F.C., Salvadori M.L.B. & Kfoury Júnior J.R. 2014. [The embryonic development of Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), using histological techniques, electron microscopy and immunological techniques using bone markers.] O desenvolvimento embrionário da Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), utilizando técnicas de histologia, microscopia eletrônica de varredura e imunológicas empregando marcadores ósseos. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(Supl.1):92-98. Setor de Anatomia, Departamento de Cirurgia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Av. Prof. Dr. Orlando Marques Paiva 87, Butantã, São Paulo, SP 05508-270, Brazil. E-mail: jrobertok@usp.br The embryonic development of fishes has great importance in fish culture and on reintroduction of species at risk of extinction into their environment; its knowledge constitutes an important way to minimize diseases and mortality of these species. By using techniques like electron microscopy and immunohistochemistry for bone markers identification, it was possible to evaluate the developmental stages of Leporinus elongatus in more details, helping to clarify the habits and biology of this species. Results showed the ontogeny and ostheogenesis of of Leporinus elongatus this species from fecundation to juvenile, evidencing important structures as size of the yolk, essential to embryo nutrition, the blastopores closure, important event in embryogenesis because it indicates fertilization indexes, and the metamorphosis, which shows the main organs’ development including bones. Bone morphogenetic markers 1 and 4, essential regulatory molecules for bone development, had their expression restricted from larva to fry stages, and were not observed in their previous stages. In sum, these results provided new data that may improve reproductive techniques for L. elongatus, and will support commercial and repopulation purposes.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Souza E.Z., Jesus L.W.O., Meireles W.A., Borella M.I., Bianchi P.K.F.C., Salvadori M.L.B. & Kfoury Júnior J.R. 2014. [The embryonic development of Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), using histological techniques, electron microscopy and immunological techniques using bone markers.] O desenvolvimento embrionário da Piapara, Leporinus elongatus (Pisces, Anostomidae), utilizando técnicas de histologia, microscopia eletrônica de varredura e imunológicas empregando marcadores ósseos. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(Supl.1):92-98. Setor de Anatomia, Departamento de Cirurgia, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade de São Paulo, Av. Prof. Dr. Orlando Marques Paiva 87, Butantã, São Paulo, SP 05508-270, Brazil. E-mail: jrobertok@usp.br O desenvolvimento embrionário dos peixes é de grande importância para a piscicultura e na reintrodução de espécies ameaçadas de extinção em seus ambientes, e seu conhecimento constitui uma importante maneira para minimizar doenças e mortalidades dessas espécies. Com o auxílio de técnicas como a Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e a imuno-histoquimica para identificar proteínas ósseas, foi possível avaliar as fases de desenvolvimento com mais riqueza de detalhes, facilitando a compreensão de hábitos e da biologia da espécie. Neste trabalho pudemos observar a ontogenia e osteogênese da Piapara (Leporinus elongatus), desde a fecundação até a fase juvenil, sendo evidenciadas estruturas importantes como o tamanho do vitelo, essencial para a nutrição do embrião; o fechamento do blastóporo, evento principal da embriogênese, que indica as taxas de fertilização; a metamorfose, que indica a formação dos primeiros e principais órgãos do animal e a formação de sua estrutura óssea. As Proteínas Ósseas Morfogenéticas (BMP-2 e BMP-4), moléculas essenciais reguladoras no desenvolvimento embrionário e na formação óssea, foram observadas apenas no estádio larval até o período juvenil, não sendo evidenciadas nos estágios anteriores. Os resultados desse trabalho trouxeram novas informações quanto à biologia do desenvolvimento dessa espécie, que certamente poderão auxiliar no aprimoramento de técnicas reprodutivas visando uma melhora na sua produção seja para fins comerciais ou de repovoamento.


#37 - Occurrence of tad genes associated with biofilm formation in isolates of Pasteurella multocida from lungs of pigs with pneumonia, 34(12):1147-1152

Abstract in English:

ABSTRACT.- Moraes D.F.S.D., Brandão L.N.S., Pitchenin L.C., Filho J.X.O., Morés N., Nakazato L. & Dutra V. 2014. [Occurrence of tad genes associated with biofilm formation in isolates of Pasteurella multocida from lungs of pigs with pneumonia.] Ocorrência de genes tad associados à formação de biofilme em isolados de Pasteurella multocida de pulmões de suínos com pneumonia. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(12):1147-1152. Laboratório de Microbiologia e Biologia Molecular, Universidade Federal do Mato Grosso, Av. Fernando Corrêa da Costa 2367, Bairro Boa Esperança, Cuiabá, MT 78060-900, Brazil. E-mail: valdutra@ufmt.br Nowadays pig intensive production systems increase microbial selection pressure favoring spread of respiratory diseases. The bacteria Pasteurella multocida is associated with various respiratory diseases in pigs under farming conditions causing high economic losses. In vitro biofilm formation has been described in P. multocida which role is described in tissue colonization, enhancing resistance to host defenses and antibiotics. The aims of this study were to analyze the occurrence of P. multocida in pig pneumonia and health lung microbiota, and occurrence of tad locus genes in these isolates. Seventy isolates of P. multocida were analyzed which sixty seven were from lungs with lesion and three from healthy lungs. Serotype A occurred mainly in lung lesion (85.71%), in healthy lung, instead, only serotype D was observed. Genes tadA, tadB, tadC, tadD, tadE, tadF and tadG were present in 89.55% isolates from lesion lung. Genes tadA, tadB and tadC were present in all isolates from healthy lungs but, tadD, tadE tadF and tadG were present in 0%, 33.3%, 33,3% and 66.6%, respectively. This work associated tadD, tadE and tadF gene positive isolates of P. multocida to lung pneumonic lesions.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Moraes D.F.S.D., Brandão L.N.S., Pitchenin L.C., Filho J.X.O., Morés N., Nakazato L. & Dutra V. 2014. [Occurrence of tad genes associated with biofilm formation in isolates of Pasteurella multocida from lungs of pigs with pneumonia.] Ocorrência de genes tad associados à formação de biofilme em isolados de Pasteurella multocida de pulmões de suínos com pneumonia. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(12):1147-1152. Laboratório de Microbiologia e Biologia Molecular, Universidade Federal do Mato Grosso, Av. Fernando Corrêa da Costa 2367, Bairro Boa Esperança, Cuiabá, MT 78060-900, Brazil. E-mail: valdutra@ufmt.br Os atuais sistemas de criação intensiva de suínos aumentam a pressão de seleção microbiana propiciando a disseminação de doenças respiratórias. A bactéria Pasteurella multocida é associada a diversas patologias respiratórias em animais submetidos a esse tipo de criação, causando grandes perdas econômicas. A formação de biofilme foi descrita in vitro em P. multocida e fatores analisados indicaram a facilitação na colonização dos tecidos, aumentando a resistência às defesas do hospedeiro e aos antibióticos. Os objetivos deste trabalho foram analisar a ocorrência de P. multocida em pneumonias de suínos e na microbiota de pulmões sem lesão e a ocorrência dos genes do lócus tad nestes isolados. Foram analisados 70 isolados de P. multocida de pulmões, sendo sessenta e sete com lesão e três sem lesão. Isolados do sorotipo A ocorreram principalmente em pulmões com lesões (85,71%), enquanto em pulmões sem lesão observou-se somente o sorotipo D. Os genes tadA, tadB, tadC, tadD, tadE tadF e tadG estavam presentes em 89,55% dos isolados de pulmões com lesões. Os genes tadA, tadB e tadC estavam presentes em todos os isolados de pulmões sem lesão, porém os genes tadD, tadE, tadF e tadG estavam presentes em 0%, 33,3%, 33,3% e 66,6%, dos isolados sem lesão, respectivamente. Neste trabalho observou-se a associação da ocorrência dos genes tadD, tadE e tadF em isolados de P. multocida e a presença de lesões em pulmões.


#38 - Occurrence of enterotoxin-encoding genes in Staphylococcus aureus causing mastitis in lactating goats, 34(7):633-636

Abstract in English:

ABSTRACT.- Ferreira D.H., Carvalho M.G.X., Nardelli M.J., Sousa F.G.C. & Oliveira C.J.B. 2014. Occurrence of enterotoxin-encoding genes in Staphylococcus aureus causing mastitis in lactating goats. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(7):633-636. Laboratório de Inspeção e Tecnologia de Produtos de Origem Animal, Centro de Saúde e Tecnologia Rural, Universidade Federal de Campina Grande, Patos, PB 58700-000, Brazil. E-mail: mgxc@bol.com.br Staphylococcal enterotoxins are the leading cause of human food poisoning worldwide. Staphylococcus spp. are the main mastitis-causing agents in goats and frequently found in high counts in goat milk. This study aimed to investigate the occurrence of enterotoxin-encoding genes in Staphylococcus aureus associated with mastitis in lactating goats in Paraiba State, Brazil. Milk samples (n=2024) were collected from 393 farms. Staphylococcus aureus was isolated in 55 milk samples. Classical (sea, seb, sec, sed, see) and novel (seg, seh, sei) enterotoxin-encoding genes were investigated by means of polymerase chain reaction (PCR). From thirty-six tested isolates, enterotoxin-encoding genes were detected in 7 (19.5%) S. aureus. The gene encoding enterotoxin C (seC) was identified in six isolates, while seiwas observed in only one isolate. The genes sea, seb, sed, see, seg and seh were not observed amongst the S. aureus investigated in this study. In summary, S. aureus causing mastitis in goats can harbor enterotoxin-encoding genes and seC was the most frequent gene observed amongst the investigated isolates. This finding is important for surveillance purposes, since enterotoxin C should be investigated in human staphylococcal food poisoning outbreaks caused by consumption of goat milk and dairy products.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Ferreira D.H., Carvalho M.G.X., Nardelli M.J., Sousa F.G.C. & Oliveira C.J.B. 2014. Occurrence of enterotoxin-encoding genes in Staphylococcus aureus causing mastitis in lactating goats. [Ocorrência de genes codificadores de enterotoxinas em Staphylococcus aureus associados a mastite em cabras em lactação.] Pesquisa Veterinária Brasileira 34(7):633-636. Laboratório de Inspeção e Tecnologia de Produtos de Origem Animal, Centro de Saúde e Tecnologia Rural, Universidade Federal de Campina Grande, Patos, PB 58700-000, Brazil. E-mail: mgxc@bol.com.br As enterotoxinas estafilocócicas são as principais causas de intoxicação alimentar em humanos em todo o mundo. O principal agente causador da mastite caprina são os Staphylococcus spp., frequentemente encontrado em altas contagens no leite caprino. Este estudo objetivou investigar a ocorrência de genes codificadores de enterotoxinas em Staphylococus aureus associados com mastite em cabras em lactação no estado da Paraíba, Brasil. As amostras de leite (n=2024) foram coletadas em 393 propriedades. Foram isolados 55 S. aureus em amostras de leite. Os genes codificadores de enterotoxinas clássicas (sea, seb, sec, sed, see) e as novas (seg, seh, sei) foram investigadas por meio de reação em cadeia de polimerase (PCR). Foram testados trinta e seis isolados, foram detectados 7 (19,5%) genes codificadores de enterotoxinas de S. aureus. O gene codificador da enterotoxina C (sec) foi identificado em seis isolados, enquanto sei foi observado em apenas um isolado. Os genes sea, seb, sed, see, seg e seh não foram observados entre os S. aureus investigados neste estudo. Em síntese, a mastite caprina causada por S. aureus pode abrigar genes codificadores de enterotoxinas e sec foi o gene mais frequentemente observado entre os isolados investigados. Essa descoberta é importante para fins de vigilância e a enterotoxina C deve ser investigada em surtos de intoxicações alimentares estafilocócicas em humanos causadas pelo consumo de leite caprino e seus derivados.


#39 - Selection, characterization and cloning of the fljB and groEL genes agonists of the innate immune system pattern recognition receptors of birds, 34(3):217-223

Abstract in English:

ABSTRACT.- Soares B.A., Ságio S.A., Peconick A.P., Barrios P.R., Chalfun-Júnior A., Costa G.M., Barçante J.M. & Martins N.R.S. 2014. [Selection, characterization and cloning of the fljB and groEL genes agonists of the innate immune system pattern recognition receptors of birds.] Seleção, caracterização e clonagem dos genes fljB e groEL agonistas dos receptores de reconhecimento de padrão do sistema imune inato das aves. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(3):217-223. Setor de Medicina Veterinária Preventiva, Departamento de Medicina Veterinária, Universidade Federal de Lavras, Campus UFLA, Lavras, MG 37200-000, Brazil. E-mail: brunoantunes.soares@yahoo.com.br The recombinant production of innate immune system pattern recognition receptor agonists has provided a new tool for the production of immunostimulants for animals. The molecular pattern associated with the pathogen (PAMP), flagellin, coded by the fljB gene from Salmonella Typhimirium, and the molecular pattern associated to the damage (DAMP), HSP60, coded by the groEL gene from S. Typhimurium and S. Enteritidis, are recognized by pattern recognition receptors (PRRs) of the innate immune system of birds. In the present study, we performed the cloning of genetic fragments of the genes fljB, from S. Typhimurium, and groEL from S. Typhimurium and S. Enteritidis inserted in expression vector pET100/D-TOPO and transformed in E. coli TO10 cells. The clones were evaluated by colony PCR, plasmidial DNA PCR and genome sequencing in order to confirm the presence of these genes. In the colony PCR, we identified the presence of genes groEL (S. Enteritidis), groEL (S. Typhimurium) and fljB (S. Typhimurium) in 80%, 60% and 80% of the transformed colonies, respectively. The cloning system adopted allowed the production of HSP60 genetic fragment clones and flagellin of Salmonella strains, allowing the posterior use of these clones in gene expression trials, with the future potential of being used as non-specific immunostimulants for birds.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Soares B.A., Ságio S.A., Peconick A.P., Barrios P.R., Chalfun-Júnior A., Costa G.M., Barçante J.M. & Martins N.R.S. 2014. [Selection, characterization and cloning of the fljB and groEL genes agonists of the innate immune system pattern recognition receptors of birds.] Seleção, caracterização e clonagem dos genes fljB e groEL agonistas dos receptores de reconhecimento de padrão do sistema imune inato das aves. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(3):217-223. Setor de Medicina Veterinária Preventiva, Departamento de Medicina Veterinária, Universidade Federal de Lavras, Campus UFLA, Lavras, MG 37200-000, Brazil. E-mail: brunoantunes.soares@yahoo.com.br A produção recombinante de agonistas dos receptores do reconhecimento de padrão do sistema imune inato tem fornecido uma nova ferramenta para a produção de imunoestimulantes para animais. O padrão molecular associado ao patógeno (PAMP), flagelina, codificado pelo gene fljB de Salmonella Typhimurium e o padrão molecular associado ao dano (DAMP) HSP60, codificado pelo gene groEL da S. Typhimurium e S. Enteritidis, são reconhecidos por receptores de reconhecimento de padrões (RRPs) do sistema imune inato das aves. No presente estudo, foi feita a clonagem de fragmentos genéticos dos genes fljB de S. Typhimurium e groEL de S. Typhimurium e S. Enteritidis inseridos no vetor de expressão pET100/D-TOPO e transformados em células de E. coli TOP10. Os clones foram avaliados pela PCR de colônia, PCR de DNA plasmidial e sequenciamento genômico para a confirmação da presença desses genes. Na PCR de colônia, foram identificadas em 80%, 60% e 80% das colônias transformadas, a presença dos genes groEL (S. Enteritidis), groEL (S. Typhimurium) e fljB (S. Typhimurium) respectivamente. O sistema de clonagem adotado possibilitou a produção de clones dos fragmentos genéticos da HSP60 e flagelina das cepas de Salmonella, permitindo a utilização posterior desses clones em ensaios de expressão gênica, com potencial futuro de serem utilizados como imunoestimulante inespecífico das aves.


#40 - In silico phylogenetic and virulence gene profile analyses of avian pathogenic Escherichia coli genome sequences, 34(2):129-133

Abstract in English:

ABSTRACT.- Rojas T.C.G., Maluta R.P., Koenigkan L.V. & Dias da Silveira W. 2014. In silico phylogenetic and virulence gene profile analyses of avian pathogenic Escherichia coli genome sequences. Pesquisa Veterinária Brasileira 34(2):129-133. Departamento de Genética, Evolução e Bioagentes, Instituto de Biologia, Universidade de Campinas, Cx. Postal 6109, Campinas, SP 13083-970, Brazil. E-mail: wds@unicamp.br Avian pathogenic Escherichia coli (APEC) infections are responsible for significant losses in the poultry industry worldwide. A zoonotic risk has been attributed to APEC strains because they present similarities to extraintestinal pathogenic E. coli (ExPEC) associated with illness in humans, mainly urinary tract infections and neonatal meningitis. Here, we present in silico analyses with pathogenic E. coli genome sequences, including recently available APEC genomes. The phylogenetic tree, based on multi-locus sequence typing (MLST) of seven housekeeping genes, revealed high diversity in the allelic composition. Nevertheless, despite this diversity, the phylogenetic tree was able to cluster the different pathotypes together. An in silico virulence gene profile was also determined for each of these strains, through the presence or absence of 83 well-known virulence genes/traits described in pathogenic E. coli strains. The MLST phylogeny and the virulence gene profiles demonstrated a certain genetic similarity between Brazilian APEC strains, APEC isolated in the United States, UPEC (uropathogenic E. coli) and diarrheagenic strains isolated from humans. This correlation corroborates and reinforces the zoonotic potential hypothesis proposed to APEC.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Rojas T.C.G., Maluta R.P., Koenigkan L.V. & Dias da Silveira W. 2014. In silico phylogenetic and virulence gene profile analyses of avian pathogenic Escherichia coli genome sequences. [Análises in silico da filogenia e do perfil de genes associados à virulência, dos genomas de linhagens de Escherichia coli de origem aviária.] Pesquisa Veterinária Brasileira 34(2):129-133. Departamento de Genética, Evolução e Bioagentes, Instituto de Biologia, Universidade de Campinas, Cx. Postal 6109, Campinas, SP 13083-970, Brazil. E-mail: wds@unicamp.br As infecções causadas por linhagens de Escherichia coli de origem aviária (APEC) são responsáveis por perdas significativas na indústria avícola em todo mundo. Risco zoonótico tem sido atribuído às linhagens APEC, devido às semelhanças existentes entre elas e linhagens de E. coli patogênicas extraintestinais (ExPEC) de origem humana, causadoras de infecções no trato urinário e meningite neonatal. Neste trabalho, apresentamos os resultados de análises in silico feitas a partir dos genomas de linhagens patogênicas de E. coli, incluindo genomas recentemente obtidos de linhagens APEC. Uma árvore filogenética foi obtida, com base na tipagem de sequência multilocus (MLST) de sete genes essenciais, revelando alta diversidade na composição de alelos, mas ainda assim possibilitando o agrupamento dos diferentes patótipos. Foi determinado também, para cada linhagem, o perfil gênico, por meio da presença ou ausência de 83 genes associados à virulência. A árvore filogenética e o perfil gênico demonstraram que existem semelhanças genéticas entre cepas APEC brasileiras, APEC isolada nos Estados Unidos, UPEC (uropathogenic E. coli) e linhagens produtoras de diarreia em humanos. Essa correlação corrobora e reforça a hipótese de que linhagens APEC apresentam potencial risco zoonótico.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV