Resultado da pesquisa (3)

Termo utilizado na pesquisa spillover

#1 - Diseases of wild birds in southern Rio Grande do Sul, Brazil

Abstract in English:

Necropsy protocols of the “Laboratório Regional de Diagnóstico” of “Faculdade de Veterinária” of the “Universidade Federal de Pelotas” were reviewed, ranging the period from 2000 to 2018. Three hundred eighty one necropsies, 25 refrigerated and/or formaline fixed organs, and seven biopsies were received, representing 413 samples. Most of these materials were sent by the “Núcleo de Reabilitação da Fauna Silvestre” of “Universidade Federal de Pelotas” (NURFS‑CETAS-UFPel) and were from municipalities within the range area of LRD-UFPel influence. Of the 413 cases 55 (13.31%) corresponded to metabolic/nutritional diseases; 50 (12.10%) to trauma; 35 (8.47%) to bacterial diseases/toxi-infections; 30 (7.26%) to parasitic diseases; 28 (6.77%) to fungal diseases; four (0.97%) to viral diseases and 17 (4.11%) to other diseases. Cases where it was not possible to determine the etiology, were in severe autolysis or were inconclusive totaled 194 (46.97%). Metabolic/nutritional diseases and traumatic injuries were the main cause of death in wild birds’, being Passeriformes the most affected order.

Abstract in Portuguese:

Foi realizado um estudo retrospectivo dos diagnósticos de causas de morte e de lesões em aves silvestres na região Sul do Rio Grande do Sul de 2000 a 2018. Foram revisados os protocolos de necropsia e materiais de aves silvestres encaminhados ao Laboratório Regional de Diagnóstico da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal de Pelotas no período. Foram recebidos 381 cadáveres para necropsia, 25 órgãos refrigerados e/ou em formol e 7 biopsias, totalizando 413 materiais. A maioria desses materiais foi remetida pelo Núcleo de Reabilitação da Fauna Silvestre da Universidade Federal de Pelotas (NURFS-CETAS-UFPel) e provenientes de municípios da área de influência do LRD‑UFPel. Dos 413 casos 55 (13,31%) corresponderam a doenças metabólicas/nutricionais; 50 (12,10%) a traumas; 35 (8,47%) a doenças bacterianas/toxi-infecções; 30 (7,26%) a doenças parasitárias; 28 (6,77%) doenças fúngicas; 4 (0,97%) doenças virais e 17(4,12%) outras doenças que não se encaixavam nas categorias. Ainda em nos casos em que não foi possível determinar a etiologia, apresentaram autólise acentuada ou foram inconclusivos somaram 194 (46,97%). As doenças metabólicas/nutricionais e lesões traumáticas foram as principais causas de morte de aves silvestres, sendo a ordem mais afetada a Passeriformes.


#2 - Oral trichomoniasis in raptors in Southern Brazil

Abstract in English:

A retrospective study of oral trichomoniasis cases in raptors was carried out at “Laboratório Regional de Diagnóstico” of “Faculdade de Veterinária” of “Universidade Federal de Pelotas” (LRD-UFPel) from December 2014 to August 2017. Seven necropsy reports were reviewed. All raptors including Falconiformes and Strigiformes orders were from periurban zones. Four birds were adults, and there was no apparent sex predisposition. Clinical signs included dysphagia, regurgitation, and anorexia. Gross lesions were characterized by multifocal yellow to coalescent caseous nodules adhered to the oral cavity, which extended to the entrance of the esophagus. Microscopically, the lesions were characterized by severe focally extensive heterophilic granulomatous stomatitis. Trichomonas gallinae was isolated in modified Diamond medium of all samples collected from birds. It is believed the transmission occurred by the predation of domestic pigeons (Columbia livia domestica) contaminated with T. gallinae that agglomerate in patios of grain processing complexes.

Abstract in Portuguese:

Foi realizado um estudo retrospectivo de casos de tricomoníase oral em rapinantes recebidos no Laboratório Regional de Diagnóstico da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal de Pelotas (LRD-UFPel) no período de dezembro de 2014 a agosto de 2017. Foram revisados os protocolos de necropsia encontrando-se sete casos. Os animais eram todos de zonas periurbanas e foram afetadas a ordem Falconiformes e a ordem Strigiformes. Das aves afetadas 4/7 eram adultas e não houve aparente predisposição por sexo. Os sinais clínicos incluíram disfagia, regurgitação e anorexia. As lesões se caracterizaram por nódulos amarelados multifocais a coalescentes aderidos a cavidade oral, que se estendiam até a entrada do esôfago. Histologicamente as lesões caracterizaram-se por estomatite heterofílica granulomatosa focalmente extensiva acentuada. Foi isolado em meio Diamond modificado Trichomonas gallinae de todas as amostras coletadas das aves. Acredita-se que a fonte de transmissão tenha ocorrido a partir da predação por estes rapinantes de pombas domésticas (Columbia livia domestica) portadoras com T. gallinae que se aglomeram em pátios de complexos de beneficiamento de grãos.


#3 - Blackleg in a free-range brown brocket deer (Mazama gouazoubira)

Abstract in English:

A case of blackleg in a brown brocket deer (Mazama gouazoubira) associated with trauma from being hit by a car in southern Rio Grande do Sul is reported. The clinical signs included fever, dehydration and lethargy that worsened progressively until 36 hours after the accident, when the animal died. In the fore right limb, there was a comminuted closed fracture of the radius and ulna but no skin wounds were observed. Grossly, the musculature of the pelvic limbs presented hemorrhage, edema and emphysema. Microscopically, the muscles of both rear legs had necrosis, edema, hemorrhage and mild inflammatory infiltration of neutrophils. Clostridium chauvoei was cultured from affected skeletal muscles, and it was also detected by immunohistochemistry, confirming a diagnosis of blackleg. The overlapping habitat of cattle and brown brocket deer is proposed as a predisposing factor in this case and alerts to spillover cases maybe happening in this region. In addition, blackleg should be included as differential diagnoses of deer with post-traumatic myositis.

Abstract in Portuguese:

Descreve-se um caso de carbúnculo sintomático em um veado-virá (Mazama gouazoubira), macho, jovem, resgatado após atropelamento em uma rodovia na região sul do Rio Grande do Sul. O cervídeo apresentou febre, desidratação e letargia, progredindo para a morte em 36 horas. No membro torácico direito foi observado fratura cominutiva fechada de rádio e ulna sem a presença de feridas perfurantes. Na necropsia foi observada hemorragia, edema e enfisema na musculatura dos membros pélvicos. Microscopicamente, os músculos dos membros pélvicos apresentaram necrose, edema, hemorragia e discreto infiltrado inflamatório neutrofílico. Houve o isolamento de Clostridium chauvoei e marcação positiva na técnica de IHQ com anticorpo monoclonal anti-C. chauvoei, confirmando o diagnóstico de carbúnculo sintomático. A sobreposição de habitat entre bovinos domésticos e cervídeos pode ser um fator de risco para esta doença e chama a atenção para casos de “spillover” que podem estar ocorrendo na região. Adicionalmente, sugere-se que o carbúnculo sintomático seja incluído nos diagnósticos diferenciais de cervídeos que apresentam miosite pós-traumática.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV